Síndrome de abstinência: saiba mais

A síndrome de abstinência é um problema geralmente atribuído ao uso de sustâncias como o álcool ou drogas ilícitas, mas que, diferente do que…

Por Editorial MDT em 26/12/2012

A síndrome de abstinência é um problema geralmente atribuído ao uso de sustâncias como o álcool ou drogas ilícitas, mas que, diferente do que a maioria das pessoas imagina, também pode ser causado pela privação do consumo de vários outros produtos, como o cigarro e até mesmo comida. Fique por dentro do assunto e saiba mais sobre a síndrome de abstinência.

Saiba quais são os principais sintomas da abstinência do cigarro.

A cocaína é uma das principais drogas causadoras de dependência. (Foto: divulgação)

Principais sintomas

Se abster da substância viciante pode causar sérias perturbações ao organismo dependente. Os sintomas podem ser bastante incômodos e, em determinados casos, são responsáveis por visitas frequentes ao médico e até mesmo internações.

Os principais sintomas de síndrome de abstinência são:

  • Perturbações mentais, como alucinações e delírios;
  • Palpitações;
  • Dispneia;
  • Intenso desconforto físico;
  • Convulsões;
  • Tremores;
  • Desmaios;
  • Insônia;
  • Ansiedade;
  • Hiperatividade;
  • Náuseas e vômitos.

O quadro clínico não é o mesmo em todos os casos e os sintomas costumam variar de intensidade conforme o tempo de uso da substância viciante, sua frequência de uso e o tempo sem seu consumo. Outro fator importantíssimo é a droga responsável pela dependência. De maneira geral, os sintomas costumam ir piorando à medida que o tempo de abstinência vai ficando mais longo.

Entenda porque a abstinência do álcool pode levar à morte.

Perturbações mentais e desconforto físico são sintomas comuns. (Foto: divulgação)

Principais drogas causadoras de dependência

  • Álcool;
  • Cigarro;
  • Heroína;
  • Crack;
  • Cocaína;
  • Maconha.

Tipos de síndrome de abstinência

A síndrome de abstinência pode ser classificada conforme o tempo de aparecimento dos sintomas, a partir da última data de uso da substância viciante:

  • Síndrome de abstinência aguda (SAA)

Aparece quando o indivíduo deixa de fazer uso da droga entre 3 a 10 dias, a partir de quando surgem os sintomas clássicos.

  •  Síndrome de abstinência demorada (SAD)

Esse tipo de síndrome de abstinência costuma cursar com sintomas que podem ser vistos em intervalos de sobriedade, surgindo dentro de meses ou até anos após o uso da droga. O quadro clínico pode ser sutil, como mente confusa, problemas de coordenação motora e memória, reação emocional exagerada ou alterações do sono.

Importância clínica

A síndrome de abstinência, especialmente a SAD, pode representar danos cerebrais irreversíveis causado pelo uso a longo prazo da substância viciante. O quadro clínico costuma causar grande incômodo, podendo ser confundido com outros problemas, como acidente vascular cerebral ou infarto agudo do miocárdio, sendo necessária a investigação desses diagnósticos.

Saiba o que é compulsão alimentar e como é tratada.

A compulsão alimentar pode desencadear sintomas de síndrome de abstinência. (Foto: divulgação)

A síndrome da abstinência é um problema frequente, geralmente atribuído ao uso de drogas ilícitas, mas que também pode decorrer da privação do uso de álcool, cigarro e até comida. Os sintomas podem ser confundidos com outros graves problemas de saúde, e felizmente são reversíveis, mediante o tratamento adequado. É importante ressaltar que essa manifestação é responsável por grande índice de recaída ao uso de drogas.

Top