Sinais de que a criança está com problemas de visão

As alterações visuais são muito constantes durante toda a vida, sendo manifestadas, inclusive, durante a infância. A visão é um dos bens mais preciosos…

Por Editorial MDT em 14/12/2011

As crianças devem ser levadas ao oftalmologista

As alterações visuais são muito constantes durante toda a vida, sendo manifestadas, inclusive, durante a infância.

A visão é um dos bens mais preciosos que temos, portanto é necessário darmos bastante atenção a alguma manifestação que podem surgir, durante a nossa vida. Diferente do que muita gente pensa, os problemas de visão não acometem, em sua maioria, os idosos, eles podem surgir em qualquer época.

Existem diversas alterações oftalmológicas (de visão) para as quais devemos ficar atentos. Muitas delas podem surgir ainda na infância. Para poder diagnosticar ou, pelo menos, suspeitar de que algo de errado está acontecendo com as crianças ao nosso redor, é muito importante nos atentar a todos os sinais e sintomas por eles apresentados. Há uma variedade de manifestações que podem ser percebidas desde uma simples dor de cabeça contínua, até mesmo um desempenho escolar decaindo. Por isso, iremos ajudar você a questionar seu filho, ou qualquer criança de seu contato, e suspeitar de que algo de errado está ocorrendo. Fique atento às dicas!

  • Dificuldade de leitura: muitas vezes, é necessário aproximar o livro ou o caderno dos olhos para poder enxergar melhor o que está escrito. Porém, em outros casos, é necessário afastá-los, pela mesma razão, poder enxergar melhor;
  • Outra queixa pode ser relacionada ao embaçamento visual, ou seja, a criança relata que as imagens estão embaçadas, não possuindo uma definição exata;
  • Deixar os olhos entreabertos também pode ser uma manifestação, ou seja, a criança, para poder enxergar melhor, diminui a abertura dos olhos, quase fechando-os para que as imagens se tornem mais nítidas para ela;

Fique atento aos problemas visuais que seu filho pode ter

  • Fotofobia ou sensibilidade á luz: muitas das alterações visuais podem desenvolver essa maior sensibilidade à luz. Assim a criança irá optar por lugares pouco iluminados, o que traz um conforto maior a sua visão;
  • Dor de cabeça constante: a dor de cabeça que ocorre após a realização de leituras ou assistir à televisão é muito sugestiva de que alguma alteração visual exista;
  • Outra questão que deve ser observada é a tontura após episódios que forçam a visão, como leituras ou assistir à televisão;
  • Queda de rendimento escolar: como a visão é um dos sentidos mais utilizados durante a fase escolar, muitas crianças que apresentam alterações oftalmológicas podem desenvolver queda do rendimento escolar. Por isso é necessário estar atento às notas e atitudes tomadas pela criança na sala de aula. Algumas posturas da criança em sala de aula podem ser muito sugestivas de que algo está errado.

Em resumo, fique atento a qualquer alteração e relato de queixas que podem ser apresentadas pelos seus filhos. Diante disso, procure um médico especialista imediatamente. Este irá realizar exames específicos, assim como pode indicar a melhor opção para resolver cada caso. Jamais faça uso de lentes corretivas sem orientação médica, isso pode trazer graves consequências a visão de seu filho.

Problemas na visão diminuem o rendimento escolar

Top