Ser Sócio do Magazine Luiza, Comprar Ações

O mercado de ações oferece boas oportunidades de investimento. Mas ainda não atrai os pequenos investidores. Mas isto já começou a mudar com as…

O mercado de ações oferece boas oportunidades de investimento. Mas ainda não atrai os pequenos investidores. Mas isto já começou a mudar com as ofertas de ações da Petrobrás e agora, com o anúncio de abertura de capital de uma das empresas mais populares do páis.

O Magazine Luiza começa a negociar no início de maio suas ações na Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo). A  IPO ( Oferta Pública Inicial, na sigla em inglês) de ações de uma das três maiores redes varejistas brasileiras pode levantar mais de R$ 1 bilhão, oferecendo ações a valores que devem variar entre R$ 16,00 e R$ 21,00. Além de capitalizar a empresa, a oferta pode atrair um grande número de novos investidores.

O IPO da rede inclui uma oferta primária de 33,75 milhões de ações ordinárias e secundária de 16,564 milhões, também ordinárias, além de um lote suplementar de 7.547.164 ações.

Quem quiser fazer parte deste novo grupo de investidores deve reservar as suas ações, até o dia 27 de abril. O lote mínimo para compra é de R$ 1000,00 e o máximo de R$ 300.000,00. Já os funcionários, seguindo a filosofia da empresa de beneficiar seus colaboradores, foram contemplados e poderão comprar lotes menores, com valores iniciais de R$ 100,00.

As reservas podem ser feitas através de corretoras credenciadas pelo Banco Central, onde se deve abrir uma conta e dizer quantas ações se pretende comprar. A corretora é a intermediária entre o aplicador e a Bolsa, e executa as suas ordens de compra e venda de ações. Bancos também fazem isso, sendo o  melhor caminho  se informar com o gerente da sua conta.

O valor real das ações será definido após o término do prazo de reserva, no dia 28, e pode ser um pouco diferente do valor estimado que pode variar de acordo com a procura, conforme destaca a empresa em seu prospecto de ofertas de ações, disponível em seu site.

Continuar Lendo  Violão Eletro Acústico Preços

Aliás o prospecto é sempre a “bíblia” do investidor trazendo todas as informações possíveis da companhia, a sua área de atuação e quais as estratégias para crescer e aumentar seus lucro. O ganho dos acionistas depende disso.

Mas antes de comprar os papéis nesse tipo de operação é preciso ter em mente que o investimento em Bolsa de Valores é considerado de alto risco.

Especialistas sugerem que se invista recursos que não se vai precisar no médio ou longo prazo – pelo menos três anos.

Comprar ações de uma empresa significa tornar-se sócio dela. Uma vez acionista, o investidor tem que acompanhar sempre o desempenho da companhia – essencialmente, se está vendendo mais ou menos, e os rumos que deseja tomar— e a cotação dos seus papeis na Bolsa.

O Magazine Luiza

O Magazine Luiza tem foco em bens duráveis. Na data do lançamento das ações no mercado, a empresa  operava com 604 lojas e oito centros de distribuição estrategicamente localizados em dezesseis Estados brasileiros, cujas economias correspondem a 75% do PIB nacional . Conta com mais de 21 mil colaboradores, e uma base de aproximadamente 22,8 milhões de Clientes.

Balanços da empresa atestam que a companhia cresceu consistentemente ao longo dos anos. A receita receita total bruta passou de R$3,4 bilhões de 2008 para R$5,7 bilhões ao final de 2010. Além disso, apenas em 2010, as vendas em base de mesmas lojas cresceram 29,0%. A taxa anual composta de crescimento da receita bruta de operações de varejo, nos últimos 10 anos, foi de 25,8%.

A empresa é também inovadora. Foi pioneira a oferecer, em 1992, um canal virtual para a venda de produtos, combinando tecnologia e atendimento pessoal em  Lojas Virtuais, e também uma das primeiras que buscou, em 2001, constituir associações com instituições financeiras para prover uma ampla gama de serviços e produtos financeiros voltados ao crédito de consumo, seguros e garantias estendidas aos clientes.

Continuar Lendo  SALDÃO Liquidação Fantástica Magazine Luiza 2012

Top