Semana de Moda de Paris Inverno 2012: Dia 02/03

O terceiro dia da Paris Fashion Week para o inverno 2012 trouxe tendências revisitadas e já vistas em temporadas passadas. Coleções com peças elaboradas…

O terceiro dia da Paris Fashion Week para o inverno 2012 trouxe tendências revisitadas e já vistas em temporadas passadas. Coleções com peças elaboradas cartela de cores variando entre tons neutros e clássicos os coloridos vibrantes. Os looks monocromáticos predominaram e as silhuetas vieram definidas. Confira os principais desfiles do dia!

Roland Mouret

Um inverno gélido foi tema da coleção de Roland Mouret. Para enfatizar a temática, uma cartela com tons de azul bem pálidos, cinza, menta e creme, além de peças que ganharam relevo em forma de cervo. As blusas e jaquetas receberam golas elaboradas estilo origami e também recortes modernosos. A tendência do verão que veio parar no inverno – o peplum – também deu as caras, dando espaço para bolsos duplos em casacos e coletes. Peles e pelos estavam presentes em golas e mangas.

Roland Mouret - Inverno 2012

Hussein Chalayan

As peças da coleção de inverno 2012 da marca vieram com cortes simples e uma cartela de cores vibrantes, do vermelho ao verde, azul-marinho, grafite e também mostarda. Vestidos ganharam recortes estratégicos e com silhueta ajustada ao corpo. As jaquetas de couro vieram com uma pegada mais contemporânea e as leggings tinham detalhes metálicos. As cores sóbrias e o corte mais elegante foram parar nos blazers da coleção. Peças arquitetônicas deram as caras ao final do desfile.

Hussein Chalayan - Inverno 2012

Hussein Chalayan - Inverno 2012

Christian Dior

Sem ainda uma definição sobre o substituto de John Galliano, a grife segue a sua segunda coleção com direção criativa de Bill Gayten. O estilista revisitou a alfaiataria masculina da Maison e investiu nos toques femininos do balé. Sapatos meia-pata com ares de sapatilhas, gorros de tricôs e rabos de cavalo bem longos enfatizaram o universo do balé, enquanto a alfaiataria foi percebida através dos blazers com manga 3/4 e as calças cropped. A cintura marcada estava presente e foi reforçada por cintos, revisitando o New Look de Dior. Cinzas e rosas suaves foram as nuances protagonistas.

Christian Dior - Inverno 2012

Christian Dior - Inverno 2012

Isabel Marant

A marca queridinha por it-girls mundo afora apresentou uma coleção de inverno com referencias do mundo country mais romântico. As camisas apareceram em peso e vieram com bordados florais e também com aplicações. As calças foram encurtadas e ganharam uma silhueta bem ajustada, além de apresentarem franjas e amarrações. Os babados foram parar nos vestidos e saias, que vieram acompanhados de cintinhos finos. O couro – material da estação – apareceu em calças, saias e vestidos, que também ganharam detalhes diversos e rebites. A renda veio em blusas com transparência e gola alta. Tons neutros e fáceis de usar pontuaram a coleção.

Isabel Marant - Inverno 2012

Maison Martin Margiela

Leia Também:  Alimentos que aumentam barriga

Um toque de mistério rondou a coleção de inverno da Maison belga. Ares desconstruídos apareceram em vestidos e alfaiataria. O charme ficou por conta dos casacos que vieram colocados sobre os ombros e as mangas avulsas. Um shape sem curvas e sem muita revelação de pele foi a aposta da grife, que virou os olhos para a ilusão de ótica nos efeitos trompe l’oeil inseridos nas peças. Uma moda menos comercial e também menos feminina aterrissou na passarela, que ainda apresentou referências do guarda-roupa dos meninos com shapes retos e golas bem altas. Destaque para os tecidos acetinados, o veludo cotelê, o couro e os pelos.

Maison Martin Margiela - Inverno 2012

Sonia Rykiel

Uma moda confortável e muito prática faz parte do DNA da grife que não deixou de lado suas tradições para o inverno 2012. A pegada vintage apareceu, reforçada pelas calças curtas e cinturas marcadas. O tailleur foi revisitado ganhando uma versão fresh. Os tons pastel deram vida às estampas discretas que foram vistas em vestidos fluidos. Sobreposição de suéteres e tops mais levinhos e saias retas com o comprimento comportado. As cores, bem neutras e fáceis de usar, foram as apostas.

Sonia Rykiel - Inverno 2012

Yohji Yamamoto

O clima dark apareceu na coleção de inverno 2012 de Yohji Yamamoto. A temática foi reforçada pelos tons da cartela como o vermelho, preto, roxo, além da maquiagem das modelos com boca bem marcada e escura e os sapatos mais masculinos desfilados. O estilista japonês, rei do minimalismo, apostou em uma coleção mais ousada, com direito à fendas, decotes com referências aos espartilhos e os comprimentos mini vistos nos looks. Capas e casacos com estilo de cobertor deram o charme à coleção. O ar desconstruído, típico do estilista, apareceu mais arquitetônico em vestidos com saias estruturadas.

Yohji Yamamoto - Inverno 2012

Lanvin

Peças femininas e glamourosas, além de coloridas deram o tom da coleção da Lanvin. O estilista marroquino Alber Elbaz investiu em peças para mulheres marcantes e sofisticadas que ganharam quadris aparentes, golas opulentas e cinturas bem marcadas. As pedrarias apareceram em vários looks tranformando-os em joias. As rendas vieram em detalhes ou looks totais, cocktail dresses deslumbrantes e saias bem volumosas. Estolas e casacos de pele foram tingidos. As cores que pontuaram a coleção variaram entre o preto, dourado, prata, verde e o azul tradicional Lanvin.

Lanvin - Inverno 2012

Top