Satélite desativado cairá na Terra

A NASA informou que um satélite usado para medir a camada de ozônio deve cair na Terra na sexta-feira, 23 de setembro. O satélite em…

A NASA informou que um satélite usado para medir a camada de ozônio deve cair na Terra na sexta-feira, 23 de setembro. O satélite em questão é o UARS (sigla inglesa usada para Satélite de Pesquisa da Atmosfera Superior) projetado para medir mudanças atmosféricas e efeitos da poluição que foi colocada em órbita pela nave Discovery em 1991. Fora de funcionamento desde 2005, sua queda já era esperada: a NASA deu comandos para que o UARS queimasse seu combustível restante e com isso vem perdendo altitude devido a gravidade terrestre.

Segundo informações da agência EFE, os cientistas da agência calculam que a maior parte do satélite – que tem 10,6 metros de comprimento e 4,5 metros de diâmetro – se fragmentará em pelo menos 26 pedaços ao entrar na atmosfera. Porém ainda não sabe informar onde seus pedaços cairão.

De acordo com informações do portal IG, tendo como base a órbita do artefato, estima-se que ele cairá entre o norte do Canadá e o sul da América do Sul, provavelmente no mar ou terras desabitadas.

Apesar de não saberem o local com exatidão, o risco de alguém se ferir com sua queda é mínima: menos de uma em dez mil. Estatísticas também mostram que não houve nenhum caso de pessoas feridas por objetos espaciais durante sua chegada.

A chegada do UARS estava prevista entre o fim de setembro e o começo de outubro, mas os cientistas esperam a antecipação da queda devido ao aumento significativo na atividade solar esta semana.

Fontes:

Leia Também:  Incêndio faz Régis Bittencourt ser totalmente bloqueada

Top