Santa Catarina está com mais Pessoas Desalojadas Devido Chuvas que castiga as Cidades

Chuvas devastam cidades catarinenses e milhares de pessoas precisam de ajuda – O estado de Santa Catarina mais uma vez sofre com chuvas fortes…

Chuvas devastam cidades catarinenses e milhares de pessoas precisam de ajuda – O estado de Santa Catarina mais uma vez sofre com chuvas fortes e enchentes decorrentes das mesmas. Já são 65 mil desalojados em toda a região. São pessoas que tiveram que sair de suas casas, pois não havia mais condições de ficar devido à enorme quantidade de água que invadiu as casas.

 

Três cidades (Agronômica, Brusque e Rio do Sul) estão em estado de calamidade pública e cerca de trinta e seis municípios continuam em estado de emergência. Além dos desalojados, cerca de 9 mil pessoas estão totalmente desabrigadas, ou seja, sem local para ficar. Elas necessitam de abrigos ou algo do tipo. Ao todo, são 800 mil pessoas atingidas pelas consequências das chuvas. Os números são assustadores e a devastação foi grande. Mais de 11 mil casas foram atingidas e estão danificadas de alguma forma.

 

As enchentes em Santa Catarina também provocaram algumas mortes. Os dados ainda estão sendo levantados. A cada dia os números mudam e novas informações chegam de todos os cantos do estado. Segundo o Centro de Informações de Recursos Ambientais e Hidrometeorologia (Epagri), as chuvas devem diminuir nos próximos dias, trazendo um pouco de calma para tantas pessoas que estão em situações desesperadoras. Existem muitos pontos de alagamentos, deslizamentos e enchentes. Por esse motivo, o governo do estado e a Defesa Civil continuarão monitorando toda a região.

 

Com a melhora do tempo, as águas dos rios começam a baixar. As pessoas da comunidade podem não perceber essa redução num primeiro momento, pois é comum que se demore algumas horas para que o rio comece a seguir seu leito. Houve uma medição no sábado (10/09) pela manhã. O nível do rio estava em 11 metros. Segundos projeções do Ceops (Centro de Operações do Sistema de Alerta da Bacia Hidrográfica do Rio Itajaí-Açu) é que na parte da tarde já havia chegado a 10,5 metros e que na parte da noite já houvesse atingido os 10 metros.

Leia Também:  Programa Baixa Renda

 

As pessoas desalojada em SC estão dependendo da ajuda do governo e de doações de todo o país. O pedido da Defesa Civil é que as pessoas não saiam por enquanto dos abrigos, principalmente os que residem em Itajaí. A região está localizada no final da bacia hidrográfica e por isso ainda se tem o risco da água voltar a subir. O estado está investindo o que pode para ajudar as vitimas, mas a situação ainda é de muitas pessoas necessitando de ajuda.

 

 

 

Top