Saiba os limites do corpo humano no frio e no calor

O corpo humano apresenta comportamentos diferentes para cada pessoa. No caso das temperaturas, o nosso corpo possui limites tanto para suportar frio quanto para…

O corpo humano apresenta comportamentos diferentes para cada pessoa. No caso das temperaturas, o nosso corpo possui limites tanto para suportar frio quanto para o calor. A temperatura máxima ou mínima que podemos suportar depende de várias situações pelas quais o organismo é exposto. Saiba mais sobre os limites do corpo humano no frio e no calor. Confira.

O corpo humano possui alguns limites de temperatura tanto para o frio quanto para o calor (Foto: divulgação).

Variações de temperatura

As temperaturas suportadas pelo corpo, seja máxima ou mínima, dependem da intensidade, das variações da temperatura e também do tempo pelo qual o organismo fica exposto. Quando submetido a altas temperaturas o nosso corpo pode sofre hipertermia, apresentando como principais sintomas o suor, desidratação, boca seca, flacidez da pele e parada do funcionamento dos órgãos.

Quando submetido a baixas temperaturas, o corpo pode sofrer hiportermia, aparecendo como principais sintomas o tremor e contração dos músculos. Dessa forma, quando ultrapassadas as condições normais suportadas pelo organismo, várias alterações podem ocorrer, podendo levar o indivíduo até a morte.

Quando bem agasalhado o corpo suporta melhor as altas temperaturas (Foto: divulgação).

Leia também por que a febre causa frio

Limites do corpo no frio e no calor

1. Temperatura mínima: segundo a fisiologista inglesa Frances M. Aschcroft, em um ar parado de – 29º C, não oferece muito perigo para uma pessoa que está bem vestida. Porém, se o vento for de menos de 16 km/h a sensação térmica diminui para -44º C e a pele congela em menos de 1 ou 2 minutos.

2. Temperatura máxima:no calor se a temperatura basal (temperatura dos tecidos do corpo e do abdômen) ultrapassar os 42º C poderá ocorrer morte por isolação. Porém, existem em livros registros de um homem que suportou 15 minutos a uma temperatura de 105º C. Entretanto, pesquisas recentes relatam que a temperatura máxima que uma pessoa pode suportar é 127º C por 20 minutos.

A temperatura máxima não deve ultrapassar a 42º C (Foto: divulgação).

Veja também como tratar a febre infantil 

As temperaturas de frio e calor suportadas pelo nosso organismo variam conforme a intensidade, tempo de exposição e também pelas oscilações da mesma. Porém, é importante saber que temperaturas muito altas ou muito calor podem levar o indivíduo a uma hipertermia. Já quando submetido a temperaturas muito baixas ou muito frias, o indivíduo pode apresentar uma hiportermia, causando várias alterações. Além disso, quando submetido a muito calor ou muito frio, essas temperaturas podem levar a morte.

Top