Saiba mais sobre a vida de Renato Russo

Autor de algumas das músicas mais tocadas no Brasil durante a década de 1990 e líder de uma das bandas mais marcantes de toda…

Autor de algumas das músicas mais tocadas no Brasil durante a década de 1990 e líder de uma das bandas mais marcantes de toda a história do país, Renato Manfredini Júnior, mais conhecido como Renato Russo, nasceu no Rio de Janeiro, no dia 27 de março de 1960.

Renato Russo foi um dos maiores cantores do Brasil, arrastando uma verdadeira legião de fãs por onde passava (Foto: Divulgação)

Aos sete anos de idade, o futuro vocalista da Legião Urbana mudou-se para os Estados Unidos com a família, indo morar em Nova Iorque, para onde o seu pai havia sido transferido. Lá, onde morou por dois anos, teve contato com a cultura norte-americana, que acabaria o influenciando mais tarde.

Ele nasceu no Rio de Janeiro, em 1960. Morou também em Nova Iorque e Brasília (Foto: Divulgação)

Já na adolescência, ele foi morar em Brasília, tendo passado por uma fase difícil nessa época, quando foi diagnosticado com uma doença óssea. Durante o tratamento, que se estendeu por seis meses, uma das poucas coisas que ele conseguia fazer era ouvir música e ali nascia a sua grande paixão pelos mais variados estilos musicais.

A carreira de Renato Russo

Ele liderou a Legião Urbana, que vendeu mais de 20 milhões de cópias (Foto: Divulgação)

No ano de 1978, já totalmente recuperado da doença, ele forma a banda Aborto Elétrico, juntamente com Fê Lemos (bateria), Flávio Lemos (baixo) e André Pretorius (guitarra). A banda fez várias apresentações na capital federal e durou até 1982, quando terminou devido a brigas entre os integrantes. Dali nasceriam as bandas Legião Urbana e Capital Inicial.

Com o fim da sua primeira banda, Renato Russo começa a se apresentar sozinho, na fase em que ganhou o apelido de O Trovador Solitário. Mas esse período durou pouco tempo, e logo após ter conhecido vários outros músicos, entre os quais o baterista Marcelo Bonfá, ele acabou formando a Legião Urbana, assumindo os vocais e o baixo.

Também teve uma carreira solo de sucesso, além de ter formado a lendária banda Aborto Elétrico (Foto: Divulgação)

Posteriormente, o guitarrista Dado Villa Lobos e o baixista Renato Rocha se juntaram ao grupo, combinação conhecida como a formação clássica da Legião Urbana. A banda, que teve outros integrantes, durou até 1996. Foram 16 discos lançados e mais de 20 milhões de cópias vendidas, conquistando uma verdadeira multidão de fãs.

Leia Também:  Petisca Sampa: bares e restaurantes participantes

Mesmo estando junto com a banda, Renato Russo já investia na carreira solo e a partir de 1995, quando a Legião Urbana se apresentou pela última vez, intensificou a sua produção independente. Na carreira solo, ele lançou três álbuns de estúdio.

A morte de Renato Russo

Giuliano Manfredini é o único herdeiro de Renato Russo (Foto: Divulgação)

Polêmico nos palcos e também fora deles. Assim era Renato Russo, que faleceu no dia 11 de outubro de 1996, aos 36 anos de idade, em consequência de complicações causadas pela AIDS. Ele ainda permanece vivo na memória de milhões de fãs, que até hoje não se esquecem das suas canções.

Até hoje, Renato Russo faz um grande sucesso entre os jovens (Foto: Divulgação)

Confira o Tributo ao Legião Urbana no Rock in Rio

Imperdível: Documentário Rock Brasília: A era de ouro

Ele deixou um filho, chamado Giuliano Manfredini, que atualmente tem 23 anos de idade e trabalha como produtor cultural. Além disso, o rapaz é o atual responsável por gerir o legado do pai.

Top