Saiba como aproveitar a redução do IPI

A redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) é um fator que contribui com o aumento das vendas, mas o consumidor precisa tomar alguns…

Com o IPI baixo, as pessoas ficam mais interessadas em fazer compras.

A redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) é um fator que contribui com o aumento das vendas, mas o consumidor precisa tomar alguns cuidados para não ser prejudicado com a sua compra. Sabendo como aproveitar os descontos e ofertas, a temporada de IPI baixo pode se transformar em uma grande oportunidade para fazer economia.

O imposto estará menor para a compra de eletrodomésticos da linha branca e outros itens importantes para a montagem da casa, como móveis e acessórios. A queda dos preços dos produtos é significativa e tem impulsionado as vendas no mercado desde o mês de março. A tendência é que a alíquota mais baixa continue até o mês de junho.

Saiba mais: Consumidores ainda não sentiram a redução do IPI

Como aproveitar a redução do IPI?

Os eletrodomésticos da linha branca são beneficiados com a redução de impostos.

Apesar de muitos consumidores considerarem uma grande oportunidade a redução do IPI, há ainda várias dúvidas relacionadas às vantagens das compras. Os itens com impostos reduzidos permitem mobiliar e equipar a residência por um valor mais acessível ao orçamento, mas somente quando a aquisição dos produtos é à vista.

Ao adquirir produtos à vista, como é o caso dos fogões, tanquinhos e geladeiras, a isenção de impostos resulta em um desconto de até 10% no preço final de cada item. Entretanto, se o valor da compra sofrer parcelamento, a vantagem oferecida pela redução do IPI será insignificante.

Veja também: Governo estende IPI para linha branca

Aproveitar a queda dos preços para trocar os eletrodomésticos da casa nem sempre é uma boa estratégia. Na verdade os valores caem porque os itens apresentam tecnologias inferiores, comparadas aos novos produtos que estão sendo lançados no mercado. Ou seja, somente os produtos mais antigos serão beneficiados com descontos no pagamento à vista.

No que diz respeito aos elementos de decoração, como papéis de parede e luminárias, a ocasião é propícia para comprar produtos com IPI reduzido. No entanto, como estas peças são trocadas com frequência para mudar o visual da casa, é importante verificar se o custo-benefício realmente compensa.

A compra com IPI baixo só compensa quando o pagamento é à vista.

O consumidor precisa ter consciência de que nem todas as tarifas estão isentas. Ele terá que arcar com os impostos relativos à circulação de mercadorias, frete e tributação no caso da compra ser fora do estado. Muitas vezes estes valores, quando somados, fazem com que a redução do IPI seja praticamente neutralizada.

Antes de se render ao apelo do mercado, o consumidor precisa verificar se as finanças pessoais comportam o investimento em novos eletrodomésticos, móveis e acessórios. Quando o custo-benefício é inviável, acaba sendo mais prudente encontrar outros meios para mudar o visual da casa.

Top