Resumo - Cubismo no Brasil

Resumo – Cubismo no Brasil

Resumo – Cubismo no Brasil para quem está precisando saber mais sobre esse assunto que está gerando ainda hoje muitas motivações de estudo. O…

Por Élida Santos em 27/05/2015

Resumo – Cubismo no Brasil para quem está precisando saber mais sobre esse assunto que está gerando ainda hoje muitas motivações de estudo. O cubismo aqui no Brasil pode ser um diferencial para muitas pessoas que estão estudando a arte no Brasil. O cubismo é um movimento diferenciado que até hoje é inspiração para arquitetos, estilistas e o pessoal envolvido em outros meios artísticos.

Resumo - Cubismo no Brasil (Foto: Divulgação)

Leia mais informações sobre: Cessórios ‘art déco’ nova tendência do verão 2012

Resumo – Cubismo no Brasil

Resumo – Cubismo no Brasil devemos prestar atenção no contexto daquela época em que o movimento surgiu aqui no Brasil. Durante o século XX, a Revolução Industrial trouxe uma demanda tecnológica elevada. Foi nesse momento que algumas das maiores potenciais mundiais começaram a travar uma verdadeira guerra pelo poder, pelo dinheiro e acumulo de riquezas.

Veja o resumo do Cubismo no mundo e as influências desse momento de arte no Brasil (Foto: Divulgação)

Primeira Guerra Mundial

Nesse momento aconteceu a Primeira Guerra Mundial, em 1914. Foi nesse contexto de guerra que o nacionalismo aflorou em vários locais do mundo, e com isso, várias correntes ideológicas foram criadas, como por exemplo, o nazismo, o fascismo e o comunismo. Esses movimentos começaram a mudar o cenário mundial politico.

Leia mais informações sobre: Pablo picasso – artista plástico do século xx – biografia

 

O cubismo é um estilo que inspira a nossa arquitetura e designer de interiores até hoje (Foto: Divulgação)

Movimentos artísticos

Os movimentos artísticos chamados de vanguardas surgiram nesse momento de confronto mundial e de grandes grupos cheios de ideologias diferenciadas. Esses movimentos artísticos possuem uma coisa bem comum, como o final da nomenclatura terminada em “ismo”. Eles possuem ideologias diferentes, mas ao mesmo tempo são similares em vários quesitos.

Questionamento de movimentos culturais

O questionamento sobre o legado cultural que deixaríamos sempre foi a pauta desse tipo de movimento. No século XX os padrões acadêmicos artísticos não eram mais vistos de maneira plausível e com isso novos padrões começaram a ser vistos.

Esse é um exemplo de obra que tem o cubismo como fio condutor (Foto: Divulgação)

Nascimento do Cubismo

O movimento chamado de Cubismo aconteceu entre 1907 a 1914, tendo na pintura seus principais representantes: Fernand Léger, Pablo Picasso, André de Lothe, Juan Gris e Georges Braque. No campo literário representavam esse movimento Apollinaire e Cendras.

O Cubismo no Brasil ainda está bem presente (Foto: Divulgação)

Objetivo da arte Cubista

O propósito da arte cubista era promover a decomposição, a fragmentação e a geometrização das formas em processos artísticos. Nesse momento da história da arte os artistas queriam fazer obrar que podiam ser compreendidas mesmo se fossem vistas de ângulos diferenciados. Mesmo vendo de maneiras diferentes a tonalidade das cosias continuaria preservadas.

Atualmente alguns arquitetos se inspiram em obras cubistas para montar ambientes bem modernos, a frente do nosso tempo até. O Cubismo é um dos meios mais belos de arte, pois a coloração sempre está presente, mesmo que as formas geométricas gerem desenhos não muito convencionais.

Confira como funciona o Cubismo no Brasil (Foto: Divulgação)

Cubismo e literatura

O Cubismo na literatura pode fazer total diferença em sua vida. Por meio do Cubismo você pode ver uma fragmentação da realidade formando também linguagens literárias. Entre as principais características desse meio de linguagem está a disposição das palavras, que são colocadas de um jeito bem simultâneo.

Top