Residência Medica em Dermatologia

Um médico dermatologista é aquele profissional que cuida dos problemas da nossa pele. É um profissional e é muito importante, mas infelizmente são poucas…

Por Editorial MDT em 06/12/2010

Um médico dermatologista é aquele profissional que cuida dos problemas da nossa pele. É um profissional e é muito importante, mas infelizmente são poucas as pessoas que buscam seus atendimentos. Poucas têm o costume de regularmente ir a um dermatologista, isso deve se tornar um hábito, pois só um dermatologista pode avaliar o estado da nossa pele e assim verificar se existe algum problema com apele ou se ela está normal, ele também pode verificar se a pele está muito seca ou desidratada, receitando remédios e cremes para seu tratamento.

Não apenas para avaliar o seu tipo de pele, mas um dermatologista pode também ver se você tem marcas de sol ou de idade, estrias, se a sua pele está muito envelhecida, verificar se você transpira demais e está com odores fortes, tudo isso ele avalia, e como citei além de remédios é muito comum um dermatologista receitar cremes, pomadas e géis no tratamento, sem contar que ele pode até indicar uma reeducação alimentar, mas isso depende muito dos casos, se a sua pele estiver um pouco seca ou com algumas manchas ele pode simplesmente receitar um creme, agora se você precisar de tratamento mais profundo outro tipo de tratamento.

Pelo que você pode perceber, um dermatologista é um profissional muito importante, mas para ser um bom dermatologista é necessário seguir um longo caminho de estudos. Além do período de faculdade, um estudante em dermatologia deve passar por um período de residência, um período de residência é quando um estudante em uma área médica fica em um hospital ou clinica ajudando médicos formados em tratamentos e ao mesmo tempo aprende e coloca em pratica o que aprendeu teoricamente na faculdade.

Como já foi dito residência medica em dermatologia pode tanto ser em hospitais como em clínicas dermatológicas. Algumas universidades e faculdades já têm convênios com alguns lugares que permitem que seus estudantes façam essa residência.

Já alguns lugares aceitam estudantes em dermatologia, mas para isso são necessários alguns itens, como algumas credenciais, e em alguns casos é necessário passar por provas para residência medica em dermatologia. Médicos residentes em dermatologia devem aproveitar bastante esse período, já que nele se aprende muito e já é possível sentir um pouco da responsabilidade da profissão.

Top