Remédios tarja vermelha: quais são, riscos

Os remédios são substâncias terapêuticas desenvolvidas para controlar e tratar as patologias do ser humano. Porém, diferente do que muitas pessoas pensam, eles não…

Os remédios são substâncias terapêuticas desenvolvidas para controlar e tratar as patologias do ser humano. Porém, diferente do que muitas pessoas pensam, eles não são totalmente inofensivos ao organismo. Quando não adequadamente utilizados podem trazer graves consequências à saúde, podendo levar à morte.

Cada medicamento é utilizado para um fim e merece um controle especial. Devido a isso, cada classe de medicamento recebe uma classificação correspondente. Essa divisão é que justifica as diferentes cores de tarjas que estampam as embalagens dos remédios. Tendo isso em vista, separamos algumas informações sobre quais são os remédios tarja vermelha e os seus riscos.

Saiba quais são a combinações de medicamentos perigosas.

Os remédios de tarja vermelha necessitam de prescrição médica. (Foto: divulgação)

Os medicamentos podem causar danos ao organismo

As pessoas, erroneamente, acreditam que os medicamentos não causem danos ao organismo. Um grande engano! Na verdade, os medicamentos são uma ferramenta muito poderosa de tratamento, mas quando não utilizada de maneira adequada, pode trazer graves danos à saúde. Assim, a melhor forma de utilizar um remédio sem sofrer com seus efeitos é buscar a orientação de um médico especialista. Isso porque cabe a esse profissional avaliar as condições orgânicas do organismo do paciente e, através disso, avaliar a necessidade ou não do uso de algum medicamento.

ANVISA – o órgão controlador

Como foi visto anteriormente, os medicamentos podem trazer alguns efeitos colaterais ao indivíduo quando não utilizado de maneira adequada. Devido a isso, os remédios não são produtos de consumo comum. Eles devem ser tratados como produtos especiais e controlados por um órgão superior. No Brasil, a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) é a entidade responsável por esse controle, assim como pela certificação, distribuição e comercialização. Além disso, ela avalia a necessidade de prescrição de cada um deles.

Busque a orientação de um médico, antes de utilizar qualquer tipo de medicamento. (Foto: divulgação)

 Conheça mais sobre os medicamentos de tarja vermelha

De maneira geral, os medicamentos de tarja vermelha são aqueles que apresentam menos efeitos colaterais, quando comparados aos de tarja preta. No entanto, eles também necessitam de prescrição medica para justificar o seu uso. Porem, durante o ato de compra a receita não fica retida na farmácia, sendo devolvida ao paciente. É importante ressaltar que apesar dos efeitos colaterais dessa classificação de medicamentos serem menores, eles existem! Por isso, merecem uma atenção especial em relação ao uso indiscriminado.

A ANVISA é órgão que controla os medicamentos. (Foto: divulgação)

Os medicamentos são mundialmente consumidos para o tratamento de doenças. No entanto, apesar dos benefícios apresentados pelo seu uso, quando não adequadamente utilizados podem trazer graves danos à saúde do indivíduo. Assim, para prevenir possíveis consequências, é essencial que o paciente busque a orientação de um médico especialista.

Leia Também:  Principais erros ao cuidar de cabelos loiros

Conheça os remédios que cortam os efeitos do anticoncepcional.

Top