Relembre os melhores momentos do Red Hot Chili Peppers

A trajetória da banda Red Hot Chili Peppers é um misto de altos e baixos, sobretudo pelo principal motivo que quase acabou com a banda diversas vezes, […]

A trajetória da banda Red Hot Chili Peppers é um misto de altos e baixos, sobretudo pelo principal motivo que quase acabou com a banda diversas vezes, o envolvimento com drogas por parte dos seus integrantes, inclusive levando um deles a morte. O grupo formado em 1983 passou por diversos momentos, de insucesso com discos que não deram certo, assim como também por aqueles que foram sucesso de vendas e ajudaram a consagrar ainda mais esta banda extremamente original.

A mistura de Rock in Roll com o Funk, tornou o Red Hot Chili Peppers conhecido no mundo todo, com letras agressivas, e até sexuais, principalmente no começo da banda, que foram se modificando devido a experiência e maturidade do conjunto. O baixista Flea, e o Vocalista Anthony Kiedis se conheceram ainda garotos. Relembre os principais momentos da carreira do HRCP.

O disco The Uplift Mofo Party Plan, e a Morte do Guitarrista Hillel
Após o lançamento do disco The Uplift Party Plan (1987) foi o terceiro disco da banda, e o que teve melhor repercussão até então, mesmo não sendo um mega sucesso o disco alcança posição nas paradas de sucesso. Conforme a banda ganhava mais sucesso e reconhecimento, o Guitarrista Hillel se afundava cada vez mais em heroína, e Kiedis também se envolvia cada vez mais com drogas. Flea estava preocupado com o estilo de vida dos seus amigos de banda, e foi quando recebeu a noticia da morte de Hillel aos 26 anos por overdose de heroína. A morte de Hillel quase ocasionou o final da banda.

O Disco Mother’s Milk e a entrado de John Frusciante
Depois de experiências frustrantes com vários guitarristas, o HRCP encontra John Frusciante, com apenas 18 anos na época, e fã do RHCP e de Jimi Hendrix. Frusciante era comparado ao antigo guitarrista morto, no jeito de tocar, de se mover no palco, o que fez com que o publico e os seus companheiros de banda o aceitassem rapidamente. Em 1989 acontece o lançamento de Mother’s Milk, o primeiro disco da banda que realmente emplacou vendendo mais de 2 milhões de cópias.

Leia Também:  Tatá Werneck irá para a Globo

O Disco Blood Sugar Sex Magik e a saída de Frusciante
Com hits como “Give It Away”, “Under the Bridge” e “Suck My Kiss” o disco Blood Sugar Sex Magik vende mais de 12 milhões de copias e traz ainda mais sucesso e reconhecimento para o RHCP. Com o sucesso, os shows constantes, várias viagens, o guitarrista Frusciante abandona o RHCP, perto de um show do qual seriam atração principal, causando raiva nos integrantes da banda, que o substituíram por Arik Marshall, que apesar de esforçado, não tinha o mesmo dinamismo e criatividade de John.

 

O Disco One Hot Minute e a entrada e a saída de Dave Navarro
Após experimentarem outros guitarristas, Dave Navarro entra no RHCP e permanece por alguns anos, gravando o CD One Hot Minute, que reflete a fase dos integrantes da banda. Flea foi diagnosticado com Fadiga crônica, Kiedis se afundava cada vez mais em drogas, até receber a noticia da morte de Kurt Cobain. O RHCP admirava a banda nirvana, e eram próximos, e o fato da morte de Kurt fez com que Kieds repensasse sobre seus atos. Em 1998 Dave Navarro deixa os Peppers.

A volta de Frusciante e o disco Californication
Após a saída de Navarro, o HRCP quase chegou ao final novamente, e tanto Flea quanto Kieds concordaram que para isso não acontecer, era necessário a volta de Frusciante. John Frusciante durante este tempo que ficou longe da banda, se afundou em heroína e quase perdeu a vida, entretanto estava passando por fase de recuperação quando foi chamado para a banda novamente em 1998. No ano de 1999 o californication é lançado, vendendo mais de 15 milhões de cópias, sendo o maior sucesso dos RHCP.

Premiações, e shows inesquecíveis.
O RHCP ganhou o premio de Melhor canção de Rock no Grammy 2000. No ano de1999 a banda é convidada para tocar no Woodstock 1999, no qual ao executar a canção Fire, de Hendrix, a platéia surtou, ateando fogo no local, e entre outros atos de violência. Já no ano de 2000 os peppers tiveram indicação em 5 prêmios no VMA, porém levou dois prêmios para casa. Em 2001 ao participar da terceira edição do Rock in Rio, a banda foi recorde de publico em uma apresentação histórica, com uma platéia de 250 mil pessoas.

Leia Também:  Os 15 anos sem Renato Russo

By The Way e Stadium Arcadium e a Pausa do HRCP
Ambos os discos lançaram canções inesquecíveis e foram sucesso de vendagem e publico. Em2008 a banda deu um tempo, pois não parava desde o lançamento de californacation, tempo este que originou a saída definitiva do guitarrista John Frusciante.

 

O Disco I’M With You
O mais recente álbum da banda, lançado este ano com o guitarrista Josh Klinghoffer, o disco vendeu quase 300 mil cópias na primeira semana. No dia 11 de setembro a banda deu inicio a sua turnê na América latina, que inclui shows no Brasil, inclusive no evento Rock in Rio.

Top