Regiões de São Paulo com mais roubos

A violência é um dos grandes problemas de São Paulo. Só no ano passado, mais de 300 mil roubos (quando há ameaça) e furtos…

A violência é um dos grandes problemas de São Paulo. Só no ano passado, mais de 300 mil roubos (quando há ameaça) e furtos (quando a vítima não toma conhecimento do crime) foram registrados nas 93 delegacias regionais da cidade.

No ano passado, foram registrados mais de 300 mil casos de furtos e roubos nas 93 delegacias regionais de São Paulo. (Foto: Divulgação).

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, esse tipo de ocorrência aumentou 17,5% nos últimos dez anos, diferentemente do que aconteceu com a taxa de homicídio, que caiu 85% neste mesmo período.

Saiba quais são os 10 carros mais roubados no Brasil em 2012.

Para o coronel José Vicente Filho, o alto índice de furtos e roubos registrados em São Paulo tem como principal responsável o gerenciamento de segurança executado na cidade e não uma possível falta de recursos, como alguns costumam apontar.

Ainda segundo o coronel, os chamados “crimes contra o patrimônio” são os mais difíceis de serem contidos e solucionados. Ele ressalta que, no Brasil, esse tipo de delito acaba sendo dividido entre as instâncias civil e militar, que nem sempre se entendem, o que, consequentemente, acaba trazendo ainda mais entraves a investigação.

Regiões de São Paulo com mais roubos

Em 2012, cerca de 41 pessoas foram assaltadas por dia na região da Sé, em São Paulo. (Foto: Divulgação).

A Sé é uma das regiões de São Paulo com maior número de roubos. Ao todo, foram registradas cerca de 15 mil ocorrências em 2012, o que significa que 41 pessoas foram assaltadas por dia na região no ano passado.

Existem outros pontos da capital paulista que também sofrem com os altos índices de violência, que tornam esses lugares pouco atrativos para abrigar opções de lazer, comércio e entretenimento. Abaixo, você pode saber quais são as regiões com mais roubos em São Paulo e ficar por dentro do assunto.

Veja também: Assassinatos crescem 79% no Estado de São Paulo.

O gerenciamento de segurança pública é o principal responsável pelos altos índices de furtos e roubos registrados na capital. (Foto: Divulgação).

• Sé
Número de roubos: 3.077
Número de furtos: 12.045
Total: 15.122 ocorrências

• Santa Efigênia
Número de roubos: 2.611
Número de furtos: 6.385
Total: 8.996 ocorrências

• Consolação
Número de roubos: 1.779
Número de furtos: 5.849
Total: 7.628 ocorrências

• Perdizes
Número de roubos: 1.355
Número de furtos: 5.913
Total: 7.268 ocorrências

• Santo Amaro
Número de roubos: 2.095
Número de furtos: 4.656
Total: 6.751 ocorrências

• Lapa
Número de roubos: 1.516
Número de furtos: 5.052
Total: 6.568 ocorrências

• Pinheiros
Número de roubos: 1.545
Número de furtos: 4.521
Total: 6.066 ocorrências

• Pari
Número de roubos: 1.143
Número de furtos: 4.902
Total: 6.045 ocorrências

Lembrando que esses dados são referentes às ocorrências registradas em 2012.

Top