Prós e contras da aspirina

A aspirina contém substância ativa ácido acetilsalicílico, muito eficaz no alívio da dor, febre e inflamações. Esse ácido é um anti-inflamatório, inibe produção de…

Por Editorial MDT em 25/01/2013

A aspirina contém substância ativa ácido acetilsalicílico, muito eficaz no alívio da dor, febre e inflamações. Esse ácido é um anti-inflamatório, inibe produção de substâncias que provocam a dor, diminuindo a sensibilidade dolorosa. Saiba mai sobre o assunto e veja os prós e contras da aspirina.

A aspirina é um medicamento muito usado no tratamento de dor, febre e inflamações. (Foto: divulgação)

Aspirina

O medicamento é campeão de vendas em todo o mundo. Produzido pela multinacional alemã Bayer, os fármacos possuem ácido acetilsalicílico como composto fundamental. A aspirina é muito utilizada para o alívio de dores de intensidade leve e moderada, como a dor de cabeça, dor de garganta, cólicas menstruais, dores articulares, febre, gripes, resfriados e outros.

Muitas pessoas tomam a aspirina infantil todos os dias com o intuito de prevenir ataques do coração e derrames, e também para reduzir o risco de desenvolver um câncer. Segundo pesquisas, o uso contínuo desse medicamento pode trazer mais problemas do que benefícios.

Não tome aspirina sem prescrição e orientação médica. (Foto: divulgação)

Veja também como a aspirina pode ajudar no combate ao câncer 

Prós e contras da aspirina

1. A aspirina pode ser usada na prevenção de doenças do coração, infarto do miocárdio, doenças trombóticas, cólicas menstruais, dores de cabeça ou no corpo, febre e muitas outras doenças.

2. O uso do medicamento pode trazer alguns sintomas adversos como dor abdominal, náuseas, diarreia, vômitos, vermelhidão pelo corpo, coceira, falta de ar, anemia, perda do apetite e outros sintomas.

3. Além disso, a aspirina não deve ser usada por pacientes com suspeita de dengue, catapora, meningite ou qualquer tipo de hemorragia, distúrbios da coagulação, úlcera péptica, diminuição da quantidade de plaquetas ou sensibilidade a qualquer outro componente da aspirina.

4. O ácido acetilsalicílico deve ser tomado sempre acompanhado com algum alimento para diminuir a irritação do estômago. Além disso, o paciente deve permanecer sentado por 30 minutos após ingerir o medicamento para evitar irritações gastrointestinais.

5. Apesar de ser um medicamento de fácil acesso e compra a aspirina não deve ser tomada sem recomendação e orientação médica, para evitar possíveis complicações.

O uso incorreto da aspirina pode causar sério problemas a saúde. (Foto: divulgação)

Veja também aspirina atua como anticoagulante em pessoas cardíacas, diz estudos 

A aspirina é um medicamento muito usado para tratamento de dores, inflamações e febre. Porém, o uso inadequado desse medicamento pode causar sérios problemas para nossa saúde. O ideal é consultar o médico, pois ele irá avaliar suas condições e indicar qual o melhor e mais apropriado tratamento para o seu caso. Tome cuidado com o uso de medicamentos sem prescrição médica.

Top