Progressão continuada: prós e contras

A progressão continuada é ainda um assunto polêmico, com divergências em vários aspectos. Muitos especialistas são a favor desse método de aprendizagem, porém, outros…

A progressão continuada é ainda um assunto polêmico, com divergências em vários aspectos. Muitos especialistas são a favor desse método de aprendizagem, porém, outros são totalmente contra, não dispensando argumentos para defender suas posições sobre o assunto. Enfim, de forma independente das opiniões, veja a seguir os prós e contras da progressão continuada e tome um partido acerca deste tema para que você se decida em quem votar nas próximas eleições:

Conheça os pontos positivos e negativos da progressão continuada (Foto: Divulgação)

Como funciona a progressão continuada

A progressão continuada é um método de avaliação que existe desde 1996 e é aplicado em cerca de 25% das escolas do país. Todas as escolas públicas utilizam esse sistema para definir a situação de cada aluno, salvo raras exceções de instituições tradicionais, que variam de estado para estado.

Essa forma de avaliação procura acabar com um ciclo de repetição de ano de um determinado aluno, fator este que antigamente retirava os estudantes da escola após um limite de repetências. Isto é, a criança não sofrerá mais reprovações, o que poderá força-la ou não a estudar mais.

Saiba o que fazer quando a criança não quer ir para a escola.

A progressão continuada procura terminar um ciclo de repetições de ano nas escolas (Foto: Divulgação)

Prós e contras da progressão continuada

O lado bom e o lado ruim da progressão continuada têm gerado muitas polêmicas, principalmente após as entrevistas com professores nas redes de tv aberta. Teoricamente, devido a falta de reprovações, o professor deveria se esforçar mais para assegurar um aprendizado eficiente para que os alunos pudessem passar de ano definitivamente cônscios das disciplinas ofertadas na instituição de ensino. Entretanto, o que tem ocorrido na prática é uma ausência de interesse pelo estudo, ao passo que a progressão continuada tem formado alunos despreparados para os vestibulares e incapazes de seguirem adiante na vida acadêmica.

Leia Também:  Dicas Prouni e calendário Prouni 2015

Segundo alguns especialistas, a repetição de ano mexe com a autoestima do estudante, de modo que defendem a ideia de que após a retirada das reprovações a criança poderá se sentir mais motivada aos estudos. Este sistema, todavia, funciona em algumas escolas e em outras nem tanto, uma vez que já existem casos documentados de alunos da quinta série que não são capazes de ler ou escrever. Todos esses fatores dependem muito dos professores, das normas da escola e do estado onde a progressão continuada é inserida.

A progressão continuada pode contribuir ou não para a educação de cada estudante, dependendo dos valores da escola e da região (Foto: Divulgação)

E você, opta por ser contra ou a favor da progressão continuada? Responda a essa pergunta e reveja as propostas dos candidatos à política que cuidam do ensino sobre este assunto.

Conheça também o curso de educação infantil gratuito a distancia.

Top