Programa Saúde Não Tem Preço

O Programa Saúde Não Tem Preço tem como objetivo distribuir medicamentos gratuitamente aos brasileiros portadores de diabete e hipertensão. A idéia recebeu o apoio…

Por Isabella Moretti em 02/03/2011

O Programa Saúde Não Tem Preço tem como objetivo distribuir medicamentos gratuitamente aos brasileiros portadores de diabete e hipertensão. A idéia recebeu o apoio da presidente Dilma Russeff e promete prosperar em todo o país. Agora as pessoas com altas taxas de glicose ou vítimas de pressão alta podem tratar o problema sem gastar um centavo.

O novo programa de distribuição de remédios grátis mantém o compromisso de melhorar a situação da saúde brasileira e contribuir com a qualidade de vida das pessoas. O lançamento oficial do “Saúde Não Tem Preço” acontecerá dia 3 de março e fortalece a promessa de inovar os meios de distribuição para os medicamentos.

O “Saúde Não Tem Preço” é resultado da parceria entre Governo Federal e drogarias brasileiras conveniadas ao sistema de farmácia popular. O programa será um dos principais investimentos do Ministério da Saúde nesse ano de 2011 e terá um controle preciso para distribuir os medicamentos entre as pessoas com diabetes e hipertensão.

De certa forma o programa de saúde vai contribuir com o orçamento das famílias, ao passo que os gastos com medicamentos são elevados e correspondem a 12% da renda de famílias pobres com membros diabéticos ou hipertensos. Com o “Saúde Não Tem Preço” as pessoas poderão adquirir os remédios em estabelecimentos credenciados e economizar dinheiro, um crédito que será investido em educação, alimentação, moradia, entre outros segmentos.

Os remédios de hipertensão e diabetes acompanham algumas pessoas por toda a vida, sendo responsáveis pelo controle da doença e bem-estar. Os aposentados serão os mais beneficiados com o programa, afinal, são constantemente vítimas de diabete ou hipertensão e destinam grande parte do salário para compra de medicamentos.

Como funciona o “Saúde Não Tem Preço”?

Os interessados no programa devem comparecer a uma das farmácias conveniadas para conferir a lista de medicamentos disponíveis gratuitamente. Verificando qual remédio gratuito precisa, o indivíduo deve apresentar a receita médica, CPF e documento com foto (RG ou CNH). Os estabelecimentos adeptos ao programa normalmente possuem o selo “Aqui tem farmácia popular”, facilitando assim a identificação das pessoas.

Os remédios gratuitos Saúde Não Tem Preço prometem conter o avanço de doenças que são tidas como epidemias do século. A prevalência das doenças e o envelhecimento da população são preocupações que serviram de base para que o Ministério da Saúde implantasse o programa junto com o Governo Federal.

Top