Principais complicações da bulimia

A bulimia é um transtorno alimentar que pode colocar a saúde do indivíduo em sério risco. Os efeitos desse distúrbio são capazes de causar vários…

A bulimia é um transtorno alimentar que pode colocar a saúde do indivíduo em sério risco. Os efeitos desse distúrbio são capazes de causar vários outros problemas de saúde, que vão desde alguns incômodos até consequências que podem ser fatais. Saiba mais sobre o assunto e conheça as principais complicações da bulimia.

Saiba quais são os primeiros sinai de bulimia.

Problemas no esôfago, boca e dentes causados pela acidez estomacal são comuns. (Foto: divulgação)

Problemas mais comuns da bulimia

  • Distúrbios de água

É sem dúvida a complicação mais perigosa. O uso frequente de laxativos e diuréticos, somado à prática constante do vômito auto-induzido, pode resultar em grave desidratação, além de desequilíbrio dos eletrólitos corporais.

É bastante comum a perda de potássio, que pode atingir baixos níveis, desencadeando sintomas como torpor, obnubilação, transtornos do funcionamento cardíaco e morte.

  • Complicações bucais

As complicações bucais, apesar de não serem fatais, são bastante frequentes e prejudicam a estética desses pacientes. A exposição repetida do esmalte dentário à acidez do suco gástrico resulta em corrosão dos dentes, aumento das cavidades dentárias e da sensibilidade a temperaturas. Mais raramente também pode ocorrer dor e edema na região das glândulas salivares.

  • Alterações menstruais

Semelhante ao que acontece com portadores de outros transtornos alimentares, como a anorexia nervosa, as pacientes portadores de bulimia tendem a apresentar irregularidades menstruais e até mesmo amenorreia (ausência de menstruação). Normalmente esses sintomas são resultantes da desordem hormonal causada pela desnutrição associado à flutuação de peso.

  • Lesão do aparelho gastrintestinal

O órgão mais afetado pela bulimia é o esôfago. Não é incomum o aparecimento de úlceras esofágicas ou até mesmo rupturas e estenose do órgão, como consequência da exposição repetitiva à acidez do conteúdo estomacal.

Leia Também:  Dicas para Quem Sente Solidão

O intestino de pacientes portadores de bulimia também pode sofrer algumas complicações, pois o uso frequente de fármacos laxativos cria dependência além de comprometer permanentemente o mecanismo fisiológico de eliminação das fezes. Em casos graves, o resultado pode ser a necessidade de cirurgias para corrigir o problema.

A bulimia é um problema muitas vezes subestimado. (Foto: divulgação)

Principais complicações físicas da bulimia

Entre as principais complicações físicas da bulimia, é possível destacar:

  • Dor e distensão abdominal;
  • Inchaço de mãos e pés;
  • Problemas vasculares nos olhos;
  • Dor de garganta e rouquidão;
  • Ulceras na boca;
  • Desidratação;
  • Fraqueza muscular e tontura;
  • Deterioração dos dentes;
  • Dor em região retroesternal;
  • Irregularidades menstruais;
  • Constipação crônica;
  • Morte.

Principais prejuízos emocionais e psíquicos da bulimia

Os transtornos alimentares também afetam outros aspectos da saúde e os principais prejuízos emocionais da bulimia são:

  • Ansiedade;
  • Depressão;
  • Pensamentos suicidas;
  • Instabilidade emocional e mudanças frequentes de humor;
  • Dificuldade de concentração;
  • Distúrbios do sono;
  • Baixa autoestima;
  • Distorção da imagem corporal.

Entenda como se desenvolve a bulimia nervosa.

O hábito de ingerir laxativos pode causar problemas intestinais. (Foto: divulgação)

A bulimia é um transtorno alimentar que muitas vezes acaba tendo sua gravidade subestimada. Esse distúrbio tem repercussões que podem afetar todo organismo, resultando em situações extremas e até mesmo morte.

Top