Primeira mestruação: dúvidas, como lidar

Os primeiros pelos pubianos e axilares, o aparecimento das glândulas mamárias, a cintura afinando, tudo isso é sinal de que aquela menina que costumava…

Por Editorial MDT em 20/02/2012

A primeira menstruação é um momento marcante na vida da menina.

Os primeiros pelos pubianos e axilares, o aparecimento das glândulas mamárias, a cintura afinando, tudo isso é sinal de que aquela menina que costumava brincar de boneca está ‘virando mocinha’. É nessa hora que a preocupação das mães se inicia, pois daqui a pouco tempo, poderá ocorrer a primeira menstruação. Nessa hora, o diálogo é a melhor saída! Aprenda como lidar com a menarca de sua filha.

Menstruação-definição
Todo mês, o corpo feminino se prepara para uma possível gravidez. O endométrio , que é a camada interna do útero, se desenvolve e um ou mais óvulos maduros se desprendem do folículo que ficam armazenados e vão para as trompas uterinas. A esse processo, denominamos ovulação. Caso o óvulo em questão não seja fertilizado, o endométrio se desintegra, o que resulta no fluxo menstrual.

O fluxo menstrual varia de mulher para mulher. Em geral, possui um período de 3 a 7 dias, com um ciclo de 28 dias, contados desde o primeiro dia da menstruação, até o primeiro dia do ciclo seguinte.

Preparo do organismo
Como já foi mencionado, os primeiros sinais de puberdade são dados pelo aparecimento de pelos pubianos e axilares, crescimento das mamas, entre outros. Esses sinais podem iniciar até dois anos antes da primeira menstruação, denominada menarca. A maioria das mulheres apresenta menarca em torno dos 9 aos 16 anos, o que pode variar quanto a sua antecipação e retardo, são fatores como:

• Obesidade;
• Genética;
• Alimentação.

É importante ressaltar que disfunções menstruais são frequentes no início do ciclo. É possível que a menina menstrue duas a três vezes por ano, até atingir seu ciclo adequado. Porém, caso ocorra a persistência da irregularidade menstrual, é preciso procurar um atendimento especializado.

Muitas mulheres sofrem com os sinais e sintomas da TPM (tensão pré menstrual), a garota também poderá apresentá-los. Dentre eles podemos citar:

• Irritabilidade;
• Depressão
• Choro fácil;
• Dor de cabeça;
• Constipação intestinal;
• Cólicas;
• Nervosismo;
• Desmaio.

Os sinais da TPM podem aparecer.

Se o quadro de TPM for muito intenso, é preciso que a garota procure um atendimento médico especializado.

Com a chegada da menstruação, surge junto com ela uma nova preocupação: a gravidez. A partir do momento que a garota teve a primeira menstruação, a mesma já se encontra fértil, estando apta a gerar uma criança em seu ventre. Portanto, é de grande valia que os pais a orientem quanto ao uso de preservativos, orais e não orais, evitando uma futura gravidez indesejada.

Menarca X Ginecologista

A conversa com o ginecologista é uma boa maneira para esclarecer dúvidas.

Assim que ocorre a menarca (primeira menstruação), a mãe começa a se questionar se é ou não necessário levar sua filha ao ginecologista. Porém, essa atitude não é necessária ser tomada, logo no início. A não ser que a garota apresente um quadro intenso de TPM, o que necessita de tratamento e acompanhamento médico.

Por outro lado, a depender da relação existente entre mãe e filha, a ida ao ginecologista pode ser muito agradável, pois a garota poderá realizar perguntas que, possivelmente, não seriam feitas aos pais.

A primeira menstruação é um marco no universo feminino. Com certeza, é o sinal de que aquela menininha está se tornando mulher. Portanto, é de extrema importância que exista um diálogo entre pais e filha para não ocorrer transtornos futuros.

Top