Pré-diabetes: tratamento

Pré-diabetes: tratamento

Como o nome mesmo já sugere, o termo Pré-diabetes: tratamento é utilizado nos casos em que os indivíduos possuem risco em potencial para desenvolver…

Por Editorial MDT em 04/04/2015

Como o nome mesmo já sugere, o termo Pré-diabetes: tratamento é utilizado nos casos em que os indivíduos possuem risco em potencial para desenvolver o diabetes. Assim, é um estágio intermediário entre a glicemia (açúcar no sangue) normal e alterada. Apesar da sua grande importância clínica, nem todos os pacientes que estão na fase pré-diabética irão desenvolver a doença, mas para isso, são necessários cuidados e acompanhamento da taxa de glicose no sangue.

O diagnóstico de pré-diabetes é cada vez mais comum.

Pré-diabetes: tratamento

Conhecendo alguns fatores de risco

Existem alguns fatores de risco para o desenvolvimento do diabetes. Dentre todos, os principais estão:

  • Idade, principalmente os indivíduos acima dos 45 anos;
  • Excesso de peso;
  • Sedentarismo;
  • História familiar positiva para diabetes.

Todos os fatores de risco anteriormente descritos são válidos para ambos os sexos. No entanto, as mulheres ainda apresentam mais dois fatores importantes. São eles:

  • Mulheres que geraram filhos que pesava mais de 4 Kg;
  • Mulheres portadoras de Síndrome do Ovário Policístico.

A perda de peso é um fator curcial para aqueles que não desejam desenvolver diabetess.

Como diagnosticar a pré-diabetes?

A melhor forma de diagnosticar a pré-diabetes é feita através da dosagem da glicemia da pessoa. Após a realização do exame, é observado o resultado. Assim, quando:

  • Taxa de glicemia de jejum estiver entre 100 e 125 mg/dl;
  • Taxa de glicemia na segunda hora do teste de sobrecarga oral à glicose estiver entre 140 e 199 mg/dl;

Podemos afirmar que o paciente está no estagio de pré-diabetes

Mudança no estilo de vida

Para evitar o desenvolvimento da doença é necessário adquirir novos hábitos de vida, como por exemplo, iniciar a prática de atividade física. Segundo dados, a realização de exercícios auxilia na perda de 5 a 7% do peso corporal, o que colabora no retardo do aparecimento do diabetes.

O excesso de barriga pode representar problemas de saúde. Saiba mais sobre o assunto.

A prática de atividade fisica ajuda a prevenir a evolução da doença.

tratamento correto da pré diabetes

O diagnóstico de pré-diabetes é cada vez mais comum, porém, nem sempre é motivo para se desesperar. Ainda nessa fase, é possível prevenir o desenvolvimento da doença. Basta iniciar algumas mudanças de hábitos, em especial na redução do peso corporal em associação com a prática de atividades físicas, que é capaz de atrasar o desenvolvimento e até mesmo combater o aparecimento de diabetes. Alguns tipos de diabetes tem cura, sem que haja a necessidade de medicamentos.

Leia também: Como conseguir remédios gratuitos para diabetes

Top