Pós-parto: Dicas de como Entrar em Forma de Maneira Saudável

A maternidade é o sonho de muitas mulheres. Após nove meses de uma espera ansiosa pela chegada do bebê, eis que vai chegando a…

A maternidade é o sonho de muitas mulheres. Após nove meses de uma espera ansiosa pela chegada do bebê, eis que vai chegando a hora de colocar a rotina de volta aos eixos, e é com a volta dessa rotina que elas acabam notando um novo desafio pela frente: acabar com os vestígios mais visíveis da gestação.

Este costuma ser um dos maiores desafios daquelas mamães mais vaidosas. Voltar a antiga forma parece ser algo mais trabalhoso do que nunca, afinal a gravidez deixa alguns vestígios em seu caminho como alguns quilos a mais, uma barriguinha saliente e flácida e seios caídos. Porém, embora possa ser difícil, recuperar a antiga silhueta não é uma missão impossível.

De acordo com matéria publicada no UOL Estilo, quem engordou dentro do limite recomendável durante a gravidez costuma perder de 70% a 80% do peso adquirido neste período no primeiro mês após o parto. O organismo volta ao seu estado normal após oito meses, porém as alterações como a temida flacidez podem se manter, especialmente àquelas que ganharam mais peso. Portanto, seja como for há trabalho pela frente: veja só algumas dicas da Revista Dieta Já que podem ser úteis:

Amamente: O gasto energético da amamentação chega a ser de 600 calorias por dia, portanto é certo dizer que amamentar emagrece. E claro, de quebra você ainda está pensando na saúde do seu neném.

– Hidrate-se: Além de colaborar para a sua saúde, essa atitude ajuda a aumentar a produção de leite e também ajuda com a dieta. Beba pelo menos 2 litros de água por dia. Água de coco, sucos e chás também são uma boa pedida.

Exercícios físicos: Após a gravidez é preciso ir com calma. Em média você pode retomar as atividades aeróbicas 30 dias após o parto, desde que seja feita a liberação médica. Estes exercícios devem ser leves, como uma caminhada devagar durante trinta minutos, três vezes por semana. Com o passar do tempo, o ritmo pode ser aumentado. Musculação, alongamento e aeróbica também são boas opções segundo o UOL Estilo.

Leia Também:  Pós-Parto: Conheça as Alterações Emocionais Sofridas pela Mulher

Aumente a ingestão de fibras: O seu consumo auxilia a digestão e o funcionamento intestinal, que costuma não ser muito regular neste período.

Alimente-se regularmente: Assim como a regra de ouro de toda dieta, faça pelo menos cinco refeições ao dia com intervalos de três horas. Este período curto de intervalo reduz as chances de você estar faminta e exagerar na refeição seguinte.

Evite: Da mesma forma que as dietas normais, evite doces, frituras, fast-food, salgadinhos, molhos e alimentos gordurosos e industrializados. Eles tem baixo valor nutricional e muitas calorias para atrapalhar sua busca pela velha silhueta.

Prefira: O leite desnatado ao integral, creme de leite light ao tradicional e queijos brancos no lugar dos amarelos. Consuma carnes magras sempre assadas, grelhadas ou cozidas.

Para a adoção de uma dieta, o recomendável é que este cardápio seja elaborado por um profissional. Isso garantirá que essa alimentação seja adequada às condições da mamãe e também as necessidades de seu bebê.

Boa sorte e boa dieta!

Top