Por onde andam as Spice Girls?

É impossível pensar em música da década de 90 sem se lembrar das Spice Girls. A banda formada por cinco garotas foi sucesso absoluto…

Por Isabella Moretti em 16/12/2012

É impossível pensar em música da década de 90 sem se lembrar das Spice Girls. A banda formada por cinco garotas foi sucesso absoluto entre os jovens da época e conquistou milhares de fãs. Só o single “Wannabe” liderou a lista das mais tocadas em 30 países.

As Spice Girls voltaram a se reunir em 2012. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Show das Spice Girls no encerramento das Olimpíadas 2012

Integrantes da banda Spice Girls: por onde andam?

Veja a seguir por onde andam as Spice Girls e quais são os projetos delas atualmente.

Emma Bunton. (Foto:Divulgação)

Emma Bunton
Com o fim das Spice Girls, Emma Bunton apostou na sua carreira solo. Ela tem três CDs gravados, sendo que o segundo recebeu muitos elogios da crítica e é considerado o “melhor álbum de uma ex-Spice Girl”. Emma não se limitou ao pop e resolveu investir em outros estilos musicais, como Soul e Bossa Nova.

Em 2007, Emma Bunton deu à luz ao seu primeiro filho e quatro anos mais tarde se tornou mãe novamente de um menino. Ela também já apresentou programa de rádio e atualmente investe numa linha de roupas infantis.

Victoria Beckham. (Foto:Divulgação)

Victoria Beckham
Victoria Beckham até tentou investir na carreira solo como cantora, mas não obteve sucesso. Assim, a ex-Spice Girl resolveu mudar de ramo e passou a se dedicar ao mundo da moda. Hoje, ela mantém marcas de roupas e acessórios com o seu nome. As coleções lançadas por Victoria fazem sucesso entre as famosas, como Kate Middleton, Blake Lively e Eva Longoria.

Quanto à vida pessoal, Victoria é casada com o jogador David Beckham, com quem tem quatro filhos: Romeo, Brooklyn, Cruz e Harper Seven.

Melanie C. (Foto:Divulgação)

Melanie C
Mesmo com o fim das Spice Girls, Mel C continuou investindo na sua carreira musical. A cantora sofreu com depressão, chegou a ganhar peso e foi vítima de rumores sobre a sua sexualidade. A ex-Spice Girl construiu uma carreira estável na Europa e tem quatro álbuns solos lançados. Em 2009, Mel C teve a sua primeira filha, chamada Scarlet, fruto do seu relacionamento com Tom Starr.

Melanie B. (Foto:Divulgação)

Melanie B
Melanie B tem dois álbuns solos lançados, mas nenhum deles teve grande repercussão. Ela também investiu na carreira como atriz, participando do musical “Rent”.

Desde que o grupo Spice Girls chegou ao fim, Mel B esteve envolvida em muitas polêmicas. Primeiro foi a sua briga na justiça pela guarda da filha Phoenix, fruto do casamento com o ator Eddie Murphy. Ela se casou com Stephen Belafonte em 2007 e, quatro anos depois, deu à luz a Madison. Durante o tempo em que ficou afastada da música, Mel B participou de muitos programas de TV.

Geri Halliwell. (Foto:Divulgação)

Geri Halliwell
Geri Halliwell foi a primeira integrante a deixar o grupo Spice Girls, no auge do sucesso, em 1998. Sua saída aconteceu em virtude de desavenças com as companheiras, principalmente com Mel B. Ela começou então a investir na carreira solo e gravou três álbuns, mas não obteve sucesso. Sua turnê na Inglaterra foi cancelada pelo baixo número de ingressos vendidos e em 2006 o contrato com a gravadora foi cancelado.

Em 2006, Geri se tornou mãe pela primeira vez, mas nunca revelou o nome do pai da sua filha. Com o fracasso na carreira musical, ela passou a investir em uma série de livros infantis e também numa linha de roupas.

Relembre a história das Spice Girls

Em 1993, Emma Bunton, Geri Halliwell, Melanie B, Melanie C e Victoria Beckham resolveram se juntar para criar a banda pop Spice Girls. Os primeiros anos de carreira foram difíceis, mas a partir de 1996 o mundo se rendeu ao talento das meninas britânicas.

Com o sucesso consolidado, não demorou muito para que as Spice’s se transformasse no grupo feminino mais famoso mundialmente de todos os tempos, com apenas três álbuns lançados: Spice (1996),  Spiceworld (1997) e  Forever (2000).

As Spice Girls trabalharam em álbuns e turnês de 1993 a 2001. Quando o grupo chegou ao fim, cada uma das integrantes seguiu a sua própria carreira. Em 2007, após seis anos de separação, elas resolveram retomar o grupo para trabalhar com novos projetos. O retorno da banda garantiu uma posição no Guinness Book, como o ‘grupo que vendeu mais ingressos para uma turnê em menor tempo’.

No ano de 2012, as Spice’s resolveram se reunir novamente para uma apresentação nos Jogos Olímpicos 2012 em Londres. Neste mês de dezembro de 2012, as integrantes do grupo também se juntaram para o lançamento do musical Viva Forever, inspirado nas músicas de maior sucesso da banda.

Veja também: Musical baseado em músicas das Spice Girls

Top