Planejamento financeiro para o 13º

A época de final de ano é talvez a mais esperada por milhares de brasileiros, se não, por todos. Isto porque é neste período…

A época de final de ano é talvez a mais esperada por milhares de brasileiros, se não, por todos. Isto porque é neste período que o trabalhador, após um longo ano de muito esforço, recebe um salário extra: o 13º. O cuidado que se deve ter é com a utilização do mesmo a fim de que ele não tome novos rumos e, muitos compromissos ou planos acabem não sendo cumpridos.

O final de ano é talvez a data mais esperada por milhares de brasileiros, visto que eles recebem um salário extra: o 13º (Foto: Divulgação)

É com o décimo terceiro salário que as pessoas pagam suas dívidas, conseguem comprar produtos novos, presentes para a família e tantas outras coisas. Mas, é preciso ter muito cuidado na hora de manusear este salário extra, pois da mesma forma que ele vem e pode trazer muitos benefícios, ele também pode ser sinônimo de problemas quando é mal administrado. Por isto, é preciso fazer um levantamento de tudo  que deverá ser gasto no final do ano, no começo do próximo, previsão de todas as despesas necessárias para o Réveillon, Natal, festas, compras de presentes, etc. Acompanhe abaixo um detalhamento das dicas:

Antes de usar o 13º salário faça um levantamento dos débitos e pense na possibilidade de efetuar o pagamento de algumas dívidas (Foto: Divulgação)

Além de um bom levantamento, a atitude que alguém deve tomar ao receber seu décimo terceiro é avaliar as condições para efetuar o pagamento de algumas dívidas, no caso, para quem está endividado. Esta análise deve ser feita pelo fato de que as dívidas se acumulam durante todos os meses devido às taxas de juros. Desta forma, é necessário analisar se compensa fazer este tipo de pagamento.

Continuar Lendo  Casas para Alugar Direto com o Proprietário SP

Para quem está realmente interessado em pagar dúvidas, outra dica é tentar renegociar a dívida para pagar com o salário extra. Não por completo. Estabeleça um percentual para este gasto. No caso de dívidas de cartões de crédito, a negociação pode ser mais facilitada devido às diversas formas de quitação que as empresas disponibilizam para os seus clientes. Portanto, com uma boa entrada, o parcelamento fica bem mais fácil e simples de ser realizado.

É importante também planejar os gastos no final de ano. A festa, as compras de vestuário, compra de presentes para a família… Tudo deve ser muito bem definido e planejado. Como você receberá dois salários (um é o salário e outro o 13º) é importante fazer este tipo de levantamento, para que tudo não seja gasto de uma única vez, visto que existem outros gastos que também necessitam ser efetuados.

É fundamental lembrar que no começo do ano, outros gastos são mais importantes que os citados anteriormente. Em janeiro, pagamos a renovação da matrícula dos filhos, compramos livros, renovação de matrícula da faculdade, IPVA do carro, IPTU, etc. Salientamos que estas obrigações devem ser prioridade para qualquer pessoa, pois dependemos dela para estarmos regularizados quanto às normas governamentais ou nossas obrigações perante terceiros.

Tente fazer um investimento com o 13º salário na perspectiva de que ele possa trazer algum tipo de benefício para você ou para toda a família (Foto: Divulgação)

Portanto, tente fazer um investimento em algo que possa trazer algum tipo de benefício para você ou para toda a família. A melhor coisa a ser feita quando recebemos um salário extra é investir no futuro, ou seja, em algum negócio, alguma compra de produto que traga, de fato, um benefício importante para si ou família. Isto deve ser uma regra fundamental para o seu bem-estar e de toda família.

Continuar Lendo  Nota fiscal Eletrônica Manaus

Top