Pistas de gelo pelo mundo: fotos, dicas

Patinar no gelo é um sonho de muitas pessoas. Embora no Brasil não tenhamos muitas pistas para patinação, existem alguns lugares onde é possível realizar essa deliciosa atividade. Fora de nosso país, existem mais diversos lugares onde é possível encontrar fantásticas pistas de patinação. Conheça os locais pelo mundo onde há pistas de patinação no gelo.

Nos países onde neva no inverno, as pistas para patinar se encontram em locais especiais, onde além de praticar a atividade é possível desfrutas da linda paisagem.  Nas montanhas rochosas canadenses ou no convés da torre Eiffel a diversão e a beleza encantam os turistas.

Melhores pistas de patinação no gelo do mundo

Confira as Melhores pistas de patinação no gelo do mundo, segundo o site Travel Leisure:

Áustria: na cidade de Viena encontramos a Pista Viena Ice Dream. Um local extraordinário para patinar, onde há muita beleza com luzes e também músicas que deixam a ocasião ainda mais especial. O acesso é pago, não inclui aluguel de patins e a pista funciona até abril.

França: para patinar no gelo, nada melhor do que o clima romântico de Paris. A pista é localizada no alto da Torre Eiffel. Durante a patinação é possível desfrutar de uma vista para toda a cidade. O acesso é gratuito, não inclui aluguel dos patins e a pista funciona por todo o mês de janeiro.

EUA: Nos Estados Unidos existem muitas pistas famosas onde é possível ter muita diversão. A Pista Curry Village, localizada no Parque Nacional Yosemite, Califórnia é um dos locais mais visitados, principalmente por ser um parque tradicional de esportes de inverno. Além dos patinadores, praticantes de ski e snowboard se reúnem no local. Para participar é cobrada uma taxa, porém não há aluguel de patins. A pista fica aberta até o início de março.

Saiba mais: Curso de dança no gelo

Outro local muito procurado é em San Diego. A Pista Hotel del Coronado é belíssima, mas não apenas a patinação é a atração. É possível nadar, surfar, jogar bola e patinar no gelo. A pista do Hotel del Coronado tem uma bela vista para o Pacífico, por isso, ao patinar é possível ouvir o barulho das ondas. Para participar é cobrada uma taxa, que inclui o aluguel dos patins. A pista funciona até o início de janeiro.

Em Las Vegas, a Pista The Venetian faz muito sucesso, pois está lindamente decorada com luzes coloridas, que podem ser desfrutadas durante a patinação. O acesso é pago, inclui aluguel de patins e a pista funciona até janeiro.

A Pista Sun Valley, localizada em Idaho é uma das poucas da América do Norte que fica aberta o ano todo. Para quem pretende viajar pra a região, mas não durante o inverno, pode desfrutar da patinação em qualquer época.  O acesso é pago, mas não inclui aluguel de patins.

Ainda nos Estados Unidos,  a Pista Wollman, que fica em Nova York, se destaca por ter um tamanho que impressiona . Além disso, ela tem vista para florestas de gelo, um arranha-céu e árvores do Central Park. Para patinar em Wollman é necessário pagar uma taxa que não inclui aluguel de patins. A pista fica aberta até o mês de março.

Já a Pista Depot, localizada em Minneapolis fica em ambiente fechado, dentro uma estação de trem histórica, no centro da cidade, que funcionou até 1971. Em 1920, quase 30 trens passavam pela estação diariamente. O acesso é pago, não inclui o aluguel de patins e a pista funciona até março.

Canadá: o Canal Rideau em Ottawa é um local lindo e surpreendente. Durante o inverno se torna uma imensa pista de patinação, com quase oito quilômetros. O acesso à pista é gratuito, não inclui aluguel de patins e o canal permanece congelado até fevereiro.

Outro local no país é o Lago Louise, que fica no Parque Nacional Banff, os patinadores podem avistar as montanhas rochosas canadenses enquanto se divertem na patinação. O castelo Chateau é uma peça central do lago. O acesso é gratuito, o aluguel dos patins não está incluso e a pista funciona até o mês de abril.

Rússia: no último inverno, 56 mil pessoas patinaram na Pista Red Square, em Moscouússia. O gelo fica próximo à catedral St. Basil. Para patinar é necessário pagar uma taxa, que não inclui aluguel de patins. O local funciona até março.

Inglaterra: em Londres encontra-se a Pista Torre de Londres, um belíssimo local onde é possível desfrutar da beleza do castelo e do rio Tamisa montam. Um ambiente que remete ao passado. O acesso é pago, inclui o aluguel de patins e a pista fica aberta até janeiro.

Japão: a Pista Fuji-Q Highland é conhecida por estar envolta de montanhas gigantescas. Mas no inverno, é o parque de diversões e a pista de patinação no gelo que atraem turistas. A pista é a maior ao ar livre do país. De lá, é possível ver o Monte Fuji coberto de neve. O acesso é pago, não inclui o aluguel de patins e a pista funciona até março.

Patinar no gelo é uma atividade muito prazerosa, ainda mais quando é possível desfrutar da beleza do ambiente. Montanhas, castelos, lagos, florestas que fazem a atividade ainda mais especial. Vale a pena visitar uma das melhores pistas de patinação do mundo, pois será um momento inesquecível.

Veja também: Shoppings com Pistas de Patinação 2011

Fotos de pistas de gelo pelo mundo

Reply