Pisos e Revestimentos: Reforma

Leia a matéria “Pisos e Revestimentos: Reforma” e confira as principais opções de acabamento para revestir os diferentes ambientes residenciais. Conheça as características de…

Leia a matéria “Pisos e Revestimentos: Reforma” e confira as principais opções de acabamento para revestir os diferentes ambientes residenciais. Conheça as características de cada material e as vantagens de trabalhar com ele ao reformar ou construir um imóvel.

Pisos e Revestimentos: Reforma. (Foto: Divulgação)

Na hora de reformar sua casa ou na aquisição de uma nova casa é comum surgir a necessidade de fazer a troca de piso ou mesmo de colocar o primeiro piso se o imóvel for novo, e isso costuma custar tempo e muito dinheiro.

Leia mais: Pisos De Pedras Naturais

Pisos e Revestimentos: Reforma

A escolha dos itens que irão compor o acabamento da casa deve ser feita cuidadosamente, pois esses detalhes fazem toda a diferença e ainda são aparentes e irão acompanhá-lo durante um bom tempo.

Sugestão de piso para área externa. (Foto: Divulgação)

Para a construção ou reforma de uma casa é preciso elaborar um planejamento e preparar o bolso para os gastos. A escolha do piso, é fundamental, pois não se pode pensar apenas na aparência e sim levar em conta a funcionalidade. É escorregadio? Tem fácil manutenção? A limpeza é simples? – Essas são apenas algumas perguntas que precisam ser feitas ao definir o melhor revestimento.

No tópico a seguir iremos apresentar modelos de Pisos e Revestimentos: Reforma.

Veja também: Pisos Laminados Para Sala

Modelos de pisos e revestimentos

Piso de cimento. (Foto: Divulgação)

Os principais pisos utilizados atualmente são:

Piso de cimento

É o mais simples e é fácil de fazer, sem revestimento. É usado por ser o mais barato, mas apresenta dois problemas, mancha demasiadamente e produz uma poeira fina a todo o momento, para amenizar esses problemas o ideal é pintar o piso com tinta específica e aplicar um impermeabilizante, assim evita as manchas e fica muito mais fácil de lavar.

O cimento funciona bem dentro de casa. (Foto: Divulgação)

Lajotas

Para deixar esse tipo de piso bonito, lave-o com água e sabão e depois de completamente seco aplique uma camada de cera e lustre após a secagem completa da cera.

Piso revestido com lajotas. (Foto: Divulgação)

Ardosia

Esse tipo de piso não muito recomendado para ser aplicado em toda a casa, pois escorrega demasiadamente e além disso esquenta bastante. Esse piso é muito usado para fazer detalhes.

A ardosia também é uma boa escolha na hora de revestir. (Foto: Divulgação)

Pisos cerâmicos

Esse é o piso mais utilizado atualmente, pois além de sua enorme variedade de cores, formas e desenhos é um piso bonito, durável e fácil de limpar. Usado tanto em interiores quanto em exteriores, sua manutenção é a mais simples, basta lavar com água e sabão.

Pisos de cerâmica. (Foto: Divulgação)

Porcelanato vitrificado

Esse tipo de piso é ainda um tanto caro, mas trata-se de uma tendência, por sua funcionalidade. Esse piso é feito com um material que quando aquecido a altas temperaturas forma uma camada super resistente, com pouca ou nenhuma porosidade o que o torna impermeável.

Porcelanato vitrificado. (Foto: Divulgação)

Piso de madeira

É aconchegante e torna o ambiente mais aquecido, existem os laminados que além de bonitos têm alta durabilidade e são fáceis de limpar.

Piso de madeira. (Foto: Divulgação)

Se você tem uma casa grande poderá escolher mais de um piso, para diferenciar as áreas da casa, mas cuidado na hora de fazer as combinações, escolha pisos que pareçam uma continuidade de cores e com formatos similares. Caso sua casa seja pequena o ideal é escolher apenas um tipo de piso.

Leia Também:  Correntinha na cintura da Suelen Avenida Brasil: onde comprar

O piso ou revestimento não são como uma parede na casa que você pode facilmente pintar e mudar a cor ou aparência, por isso antes de comprar qualquer coisa pesquise bem às lojas de material para construção, assim você economiza e não se arrepende na escolha, pois trocar de piso não é coisa fácil e você pode ter que conviver com ele por muito tempo. Vale a pena investir o máximo que puder nesse item.

Escolha o piso que mais se adapta as necessidades da sua casa. (Foto: Divulgação)

Confira: Pisos externos antiderrapantes – tipos, como escolher

Gostou da matéria “Pisos e Revestimentos: Reforma”? Tem alguma outra sugestão de acabamento? Deixe um comentário.

 

Top