Como funciona o PicPay e o que é? Veja aqui!

Felipo Bellini 21/02/2022 Notícias

Atualmente, a praticidade e segurança são duas combinações necessárias para um serviço prosperar, principalmente os que realizam atividades bancárias. Visando facilitar o cotidiano das pessoas com o próprio dinheiro, foi criado o PicPay em 2012, um aplicativo de pagamentos feito por brasileiros.

Entretanto, mesmo com um bom tempo no mercado, muitas pessoas ainda questionam alguns pontos, a exemplo da segurança das transações, justamente por realizar todas as funções em meio virtual. Para conhecer o funcionamento do aplicativo e saber se vale a pena, continue a acompanhar o texto.

O que é o PicPay e como funciona? 

Para começar, vamos explicar o que seria o PicPay. Basicamente ele se trata de um aplicativo onde é possível armazenar dinheiro para utilizar nas mais diversas situações do cotidiano. É como ter uma carteira virtual que pode ser acessada a qualquer instante e em qualquer lugar.

O que é o PicPay e como funciona 

Fonte/Reprodução: original

Para baixar, basta ir até a loja do celular, disponível para Android e IOS, e instalar o aplicativo. Após isso, é possível transferir dinheiro para o PicPay através do próprio banco, de um cartão de crédito já existente ou até por boletos. Por fim, para o cadastro é necessário o CPF, o telefone e o cartão de crédito, caso tenha. 

Quanto rende 100 reais no PicPay?

No final de 2021, o PicPay rendeu até 120% do CDI. Porém, atualmente, a plataforma está com um rendimento de 110% do CDI, que significa que caso R$ 100 sejam depositados, após um ano haverá um lucro de aproximadamente R$ 10 ao ano e alguns centavos que vão depender da alteração da taxa até o momento.

PicPay é confiável? 

Essa é uma das preocupações mais comuns, principalmente para as pessoas que pensam em migrar para os bancos digitais. Saiba que todas as operações do PicPay são confiáveis porque utilizam da criptografia e sempre escolhem servidores extremamente seguros para o armazenamento das informações.

Qual a vantagem de pagar com PicPay?

Além da praticidade, no PicPay não é cobrada anuidade. Além disso, não são cobradas taxas nas transferências desde que não passem os R$ 800,00. Se for o caso, uma taxa de 1,99% do valor que exceder será cobrada. 

Outro ponto que faz o PicPay ser uma boa opção é a quantidade de coisas que se pode pagar com ele, desde assinaturas de serviços de streaming, créditos para o celular, entre várias outras vantagens sem precisar sair de casa.

Com isso, finalizamos aqui. Espera-se que agora você se sinta seguro em usar a plataforma além de saber de suas vantagens. Se gostou, compartilhe para ajudar na divulgação e para mais informações sobre os mais diversos assuntos, acompanhe os posts do site.

Outros artigos

Horta de ervas aromáticas: como fazer

01/06/2012

Horta de ervas aromáticas: como fazer

[caption id="attachment_456535" align="aligncenter" width="596" caption="Saiba como obter sempre elementos frescos ao seu alcance"][/caption] As ervas aromáticas ...

Trabalhe Conosco Vivara

01/03/2011

Trabalhe Conosco Vivara

Algumas oportunidades que batem a nossa porta, jamais devem ser desperdiçadas, principalmente se esta oportunidade é no que diz respeito a emprego, isso porque o...