Pescoço Dolorido Pode Ser Estresse

  Uma das reclamações mais frequentes no consultório médico, após a dor nas costas, é a dor no pescoço, porém ao contrário do que…

 

Uma das reclamações mais frequentes no consultório médico, após a dor nas costas, é a dor no pescoço, porém ao contrário do que se pensa a causa nem sempre é a má postura. Segundo alguns ortopedistas essa dor pode estar relacionada às emoções.

Essa região também pode ser atingida pela dor devido a contraturas musculares por causa de friagem e crises de estresse intenso.

O pescoço permanece sempre tenso para suportar a parte superior do corpo, no entanto, quando é forçado demais ou sofre contrações constantes de fundo nervoso, aparece à dor que pode chegar aos ombros e também causar dor de cabeça.

A posição em que se dorme traz alterações, principalmente às pessoas que tendem deitar com o rosto”enfiado” no travesseiro ou de bruços, que propiciam tendinite, sendo assim evite esta forma de dormir.

Outras maneiras de amenizar a situação são:

Evitar exposição à friagem;
Se necessita passar tempo demais na frente do computador faça pausas a cada duas horas e faça movimentos com os ombros para relaxar;

Dentro do carro sempre use o cinto de segurança e o encosto de cabeça bem ajustado ao corpo;

Ao dirigir mantenha os braços alongados e as mãos firmes no volante;

Use antiinflamatórios em gel aliados a massagens para aliviar a dor;
Evite inclinar a coluna ao precisar abaixar.

Durma em posição adequada.

Procure fazer atividades que aliviem o estresse e que o corpo possa relaxar.

Com essas atitudes a dor ficará longe do seu pescoço!

Top