Perigos do fast food; quais são

Quem não vive sem uma comida de fast food pode não levar em consideração os males de manter esse tipo de alimento no cardápio.…

Quem não vive sem uma comida de fast food pode não levar em consideração os males de manter esse tipo de alimento no cardápio. É complicado resistir a um sorvete ou um lanche que fica pronto em menos de cinco minutos. Mas é importante pensar na saúde e evitar o consumo diário dessas guloseimas que são ricas em calorias e bem carentes em vitaminas.

Leia mais sobre: Perigos dos lanches rápidos fora de casa

Quem come muito fast food pode ter depressão (Foto: Divulgação)

Alimentos de fast food têm muitas calorias e sódio

O principal problema da comida de fast food são as quantidades calóricas. O excesso de gordura de um lanche e a falta de elementos que fazem bem para o organismo, fazem desse tipo de alimentação um risco para a saúde se o seu consumo for excessivo. Além disso, quem ingere essas comidas rápidas acaba se deparando com uma quantidade de sódio superior a indicada.

Estudo relaciona consumo de fast food com a depressão

Além de fazer mal para a dieta o fast food foi relacionado por um estudo com a depressão. Segundo uma pesquisa das universidades de Las Palmas de Gran Canaria e de Granada, na Espanha, pessoas que comem esses tipos de alimentos são 51% mais vulneráveis a depressão, diante àquelas que consomem pouco ou nada. O estudo foi publicado no periódico Public Health Nutrition.

Saiba mais sobre: Crianças que comem muito fast food têm QI mais baixo

Ingerir comida de fast food não é nada saudável (Foto: Divulgação)

Para chegar a essa conclusão 8.964 pessoas foram analisadas, sendo que nenhum deles teve diagnóstico de depressão antes da pesquisa. Todos foram acompanhados por seis meses. Depois desse período, 493 foram diagnosticados com depressão ou começaram a tomar as medicações. Um aumento de 51% nos riscos para a doença foram associados com a ingestão de comida rápida. Por isso, inclua na lista de perigos do fast food a depressão, e comece a repensar os seus hábitos.

Leia Também:  Formato da sobrancelha: como escolher

Dica para manter uma dieta saudável

A dica para ter uma saúde de ferro é evitar ao máximo o consumo dos alimentos de fast food. Nos restaurantes e lanchonetes, procure opções mais leves e menos calóricas, como por exemplo, sanduíches à base de peito de peru, salada, molho vinagrete e pão integral. E quando for inevitável comer um hambúrguer, compense na refeição seguinte com algo menos calórico e muito mais saudável. Inclua no cardápio frutas, legumes, verduras, carnes brancas e laticínios magros.

Top