Passagens aéreas mais caras – Informações

É notório que os brasileiros estão usando, cada vez mais, o transporte aéreo, tanto é que os problemas de infraestrutura dos aeroportos nacionais têm…

As passagens aéreas ficaram 53% mais caras

É notório que os brasileiros estão usando, cada vez mais, o transporte aéreo, tanto é que os problemas de infraestrutura dos aeroportos nacionais têm ficado muito evidentes nos últimos anos, justamente devido ao enorme número de passageiros que se aglomeram nas ultrapassadas instalações aeroportuárias.

Para se ter uma ideia, pesquisas apontam que houve um aumento de quase 17% no número de passageiros em voos domésticos, considerando o período de janeiro a novembro de 2011, quando comparado à mesma época do ano anterior. Já o contingente de brasileiros em direção ao exterior subiu cerca de 12%.

Olhando estes índices, muita gente vai pensar que as passagens estão mais baratas. Porém, a situação é justamente o contrário. Segundo pesquisa divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), as tarifas aéreas ficaram aproximadamente 53% mais caras no ano de 2011.

Então, como explicar o aumento no número de passageiros? Conforme o IBGE, a explicação é simples, e está no fato de que a renda média do trabalhador brasileiro aumentou bastante nos últimos anos, possibilitando para uma maior quantidade de pessoas utilizar o avião como meio de transporte. Além disso, a maior oferta de crediário facilita o pagamento das passagens, já que é possível parcelar a compra em vários meses, fazendo com que a conta caiba no orçamento familiar.

Motivos para o aumento

Grande demanda é um dos motivos do aumento

Os motivos para o aumento nos preços das passagens aéreas, de acordo com o IBGE, estão na grande procura pelos voos e na elevação dos custos das empresas do setor. Somente em 2011, afirma a instituição, o querosene da aviação teve um reajuste nos preços entre 30% e 40%. As empresas aéreas, por sua vez, afirmam que há muito tempo não repassavam os aumentos nos custos aos passageiros, e tiveram que fazê-lo no ano passado.

Leia Também:  Como Acabar com Mau Hálito

Já em relação ao aumento da demanda, é uma questão de mercado. Quanto maior a procura por determinado serviço, maior é a possibilidade do prestador daquele serviço aumentar o seu preço.

As passagens estão mais baratas que na década passada

Mesmo com este aumento de 53% no valor das passagens aéreas, registrado em 2011, as tarifas pagas no ano passado são as mais baratas dos últimos 10 anos. Quem faz esta afirmação é a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), conforme matéria divulgada no portal R7.

Segundo os dados da agência, em 2002 a média de uma passagem aérea cobrada no Brasil era de R$ 518,00, enquanto em 2011 o valor médio caiu para R$ 285,00, uma redução de 45%, lembrando que os valores já estão corrigidos pela inflação.

Aproveite as promoções

Para comprar passagens aéreas mais baratas, uma boa dica é ficar de olho nas promoções das companhias aéreas, que são realizadas com muita frequência, principalmente nos períodos de baixa temporada. A maior parte desta promoções costuma ser realizada durante as madrugadas. Basta ficar atento aos sites das empresas de aviação, como TAM, GOL, Azul, Webjet e Trip, entre outras, para conseguir bons descontos.

Aumento no preço do combustível de aviação é outro motivo para o encarecimento das tarifas

Top