Para que serve a memória ROM e o que é?

Felipo Bellini 11/05/2022 Notícias

É notável que quem é da área ou tem algum conhecimento sobre informática já tenha conhecimento sobre o que é memória ROM e memória RAM. Hoje neste artigo vamos trazer para vocês um conhecimento um pouco mais profundo sobre a memória ROM, suas utilidades, o que é exatamente e onde é utilizada.

Tratar de forma acessível para que até mesmo quem nunca ouviu falar entenda o que é uma memória ROM e para que ela serve. Vem com a gente.

O que é a memória ROM?

Como o próprio nome já diz a memória ROM ou memória somente de leitura, é um modelo de memória que permite apenas a leitura ou rodagem do software, diferente de outras memórias que permitem que você possa escrever ou programar um software.

O que é a memória ROM

Fonte/Reprodução: original

Isso significa que o fabricante ao gravar essas informações na memória garanta que ela não poderá ser apagada ou modificada, apenas permitirá que você acesse as informações nela contida, por isso ficou conhecida como uma memória não volátil.

Onde é utilizada a memória ROM?

Devido sua funcionalidade, esse tipo de memória é utilizada em diversos aparelhos eletrônicos, tais como: celular, notebook, impressora, satélite entre diversos outros. Essas memórias estão instaladas para controlar as tarefas básicas desses aparelhos, por exemplo em eletrodomésticos com display digital, nessa memória está salvo dos comandos mais básicos aos principais comandos de qualquer aparelho, os chamados firmware.

Para que serve a memória ROM?

Como a ideia de armazenamento de comandos básicos de qualquer eletrodoméstico e eletroeletrônico, a memória rom tem utilidade de manter o funcionamento por meio da firmware, assim entende se o seu diferencial em relação à memória ROM.

Para que serve a memória ROM

Fonte/Reprodução: original

Tipos de memória ROM

Agora vamos trazer alguns dos modelos de memória e suas funcionalidades, para que assim você possa conhecer um pouco mais sobre essa parte do seu eletrônico.

Mask-ROM

Foi a primeira memória Rom a ser inventada, além de não poder sofrer modificações de qualquer tipo, elas são gravadas em microchips.

PROM

Podem sofrer alterações somente uma vez, por meio de modificações feitas especificamente no silício do chip, essa é uma evolução da Mask-ROM.

EPROM

Continuando assim a evolução da primeira memória, esse é o primeiro modelo de ROM com habilidade de reimpressão por meio de exposição do chip a luz ultravioleta, por um tempo pré-determinado.

EEPROM

Seguindo os meios evolutivos de suas antecessoras, está presente em todo aparelho eletrônico hoje comercializado, como sua antecessora eprom tem a possibilidade de reimpressão, contudo dessa vez não há necessidade de exposição do chip a luz ultravioleta, pois sua impressão é feita por meio de eletricidade, trazendo assim atualização da firmware sem a necessidade da remoção do chip.

Trouxe neste texto algumas informações sobre o que é memória ROM, como é utilizada, para que ela serve e os modelos existentes no mercado, como sabemos ela está presente em todo eletroeletrônico hoje no mercado, de celulares, computadores e notebooks à micro-ondas, liquidificadores e máquinas de lavar. Então, é muito bom que saibamos como funciona e entendamos um pouco mais sobre esse assunto.

Outros artigos

Acompanhamento Bolsa Família de saúde

03/07/2018

Acompanhamento Bolsa Família de saúde

O acompanhamento Bolsa Família de saúde é um dos benefícios oferecidos às famílias que participam do famoso programa de transferência de renda do governo federal, co...