Palmeiras e Flamengo despencam na tabela de classificação

Desempenho de ambos nas últimas oito rodadas é equivalente ao de equipes que lutam contra o rebaixamento Na primeira metade do Brasileirão 2011, Flamengo…

Luxemburgo e Felipão sofrem para recolocar Mengo e Verdão no caminho das vitórias

Desempenho de ambos nas últimas oito rodadas é equivalente ao de equipes que lutam contra o rebaixamento

Na primeira metade do Brasileirão 2011, Flamengo e Palmeiras permaneceram entre os líderes do torneio, dando mostras de que brigariam até o fim do campeonato pelo título nacional. Entretanto, nas últimas oito rodadas os dois times vêm colecionando resultados ruins e despencaram na tabela de classificação.

A equipe alviverde, que até então alternava entre a terceira e a quarta colocação, viu seu aproveitamento cair para 29% neste período, digno de quem briga contra o rebaixamento, e foi parar na oitava colocação do torneio, com 34 pontos. Nas últimas oito partidas, o time comandado pelo técnico Luis Felipe Scolari empatou quatro, perdeu três e venceu apenas uma.

Se os últimos resultados do Palmeiras já tiram o sono da torcida alviverde, a situação atual do Flamengo no campeonato é ainda pior. O time rubro-negro está há oito partidas sem vencer e caiu da segunda colocação para o sexto lugar. Neste tempo, o técnico Vanderlei Luxemburgo e seus comandados acumularam cinco derrotas e três empates, num pífio aproveitamento de apenas 12,5 %.

Acostumados a conquistar títulos, tanto Felipão quanto Luxemburgo não tên conseguido solucionar os inúmeros problemas que seus times apresentam. Apesar da situação difícil dos dois times, os treinadores relutam em afirmar o péssimo momento e preferem destacar pontos positivos.

Luxemburgo preferiu ressaltar algumas virtudes do time rubro-negro na derrota para o Atlético Paranaense em casa por 2 a 1. “Não adianta inventar fantasma. Os jogadores tentaram, não querem perder. Eu tenho que continuar trabalhando, que daqui a pouco a bola entra. Não vi o time intranquilo. Tocou a bola, teve a paciência. Faltou tocar às vezes ao invés de jogar só na área. Mas vi a equipe com posse de bola”, declarou ele.

Leia Também:  Com Luis Fabiano, São Paulo recebe o Flamengo de Ronaldinho

Por sua vez, Felipão revelou que gostou do desempenho de seu time mesmo tendo sido derrota em casa por 3 a 0 para o Internacional. “Meu time jogou muito bem até o momento em que levamos o gol em uma bobeada nossa. Até o início do segundo tempo dominamos, e depois se desnorteou”, disse o comandante alviverde.

Top