Países que mais aplicam a pena de morte

A Anistia Internacional (AI) divulgou esta semana os dados de execuções por pena capital no mundo em 2011. Segundo o relatório anual da Anistia,…

Por Editorial MDT em 30/03/2012

A Anistia Internacional (AI) divulgou esta semana os dados de execuções por pena capital no mundo em 2011. Segundo o relatório anual da Anistia, 676 pessoas foram executadas, 100 a mais que em 2010. A pena de morte está prevista em 57 países e foi aplicada por 20 nações em 2011.

A pena de morte viola o artigo 3º da Declaração Universal dos Direitos Humanos (Foto: divulgação)

Como o direito à vida é assegurado pela Declaração Universal dos Direitos Humanos, a pena capital seria uma violação de um direito do ser humano. Esse tipo de punição foi abolida em 97 países e em oito está restrita a crimes de guerra.

Entre os países que mais recorrem a pena capital está a China, que segundo a Anistia pratica mais execuções do que todo o resto do globo, no entanto, os dados exatos são segredo de Estado no país.

Segundo a AI, 676 foram executadas em 2011(Foto: divulgação)

O relatório da Anistia também apontou que as execuções no Oriente Médio tiveram um aumento. Em 2011 foram aplicadas quase duas vezes mais penas capitais do que em 2010. No total, mais de 550 pessoas foram executadas na Arábia Saudita, Iêmen, Irã e Iraque. O relatório aponta que dessas vítimas, sete não teriam mais de 18 anos ou os crimes imputados a elas foram perpetrados antes que atingissem a maioridade. No Irã, país em que a pena de morte é aplicada quando ocorre adultério, relações homossexuais ou abandono da fé há depoimentos sobre a morte secreta de centenas de cidadãos.

A pena capital foi aplicada por 20 nações em 2011 (Foto: divulgação)

Entre os países do G8, o grupo dos mais ricos do mundo, somente dois aplicam a pena capital: Estados Unidos e Japão. No entanto, no Japão, em 2011, foi aplicada a primeira sentença capital desde 1992 e nos Estados Unidos foram mortos 43 prisioneiros (contra 46 em 2010). Ao que tudo indica o país está dando mostras de que irá diminuir a utilização de penas capitais. No ano passado o Estado de Illinois passou a abolir a pena de morte e Oregon implantou uma moratória de execuções. No continente europeu, a pena capital foi extinta pela Convenção Europeia para a Proteção dos Direitos Humanos e das Liberdades Fundamentais, mas Belarus, localizado em território da Ex-União Soviética, executou a pena de morte em 2011. Atualmente 18.750 pessoas estão no corredor da morte.

Top