Os objetos que as crianças mais engolem

Basta um descuido para que a criança leve um objeto até a boca. Até os oito anos de idade é comum que os pequeninos…

As crianças geralmente engolem moedas (Foto: Divulgação)

Basta um descuido para que a criança leve um objeto até a boca. Até os oito anos de idade é comum que os pequeninos engulam pregos, clipes, alfinetes, e principalmente, moedas. De acordo com dados do Hospital Pequeno Príncipe, localizado na cidade de Curitiba, Paraná, ao menos três casos de ingestão de objetos por crianças é registrado por dia. As moedas são os alvos preferidos pela facilidade do acesso, já que os adultos deixam o item sobre mesas, cadeiras, estantes e soltas na bolsa.

O perigo também pode estar naquilo que foi produzido para divertir. Brinquedos fabricados sem a devida fiscalização podem soltar peças pequenas, e sem que os pais percebam as crianças colocam na boca. Nesses casos a prevenção é comprar itens certificados pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial), para ter certeza que foi devidamente testado. Também é ideal se atentar a classificação etária, que deve estar de acordo com a idade do seu filho.

Os médicos solicitam a retirada de raio-X para localização do objeto (Foto: Divulgação)

Já com relação aos objetos que são engolidos acidentalmente, bom mesmo é não dar oportunidade. Fique atento para não deixar os itens espalhados pela residência, ao alcance das mãos das crianças. Lembre-se que elas não têm discernimento para saber o que vai machucá-las e cabe a você cuidar do bem estar e da saúde dos pequeninos.

A prevenção é a melhor solução para que seu filho não engula nenhum objeto (Foto: Divulgação)

Porém, se mesmo diante de tantos cuidados o seu filho ingerir um corpo estranho, leve-o para um hospital ou unidade de pronto-atendimento. O procedimento padrão é após uma análise clínica efetuar um raio-X para localizar o item. Em alguns casos, quando o objeto encontra-se no estômago é preciso esperar que a criança o elimine por meio das fezes.

Leia Também:  Saiba como evitar o estresse infantil

Nem sempre é possível perceber se a criança engoliu, ou colocou algo nas vias nasais, mas alguns sintomas, como por exemplo, falta de apetite, vômitos, salivação excessiva e dores para deglutir vão sinalizar que há algo de errado. Se isso acontecer, procure um médico imediatamente. O objeto pode causar complicações graves para a saúde da criança, tendo que ser removido por meio de cirurgias.

Top