Os modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP

Os modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP pertencem às marcas Honda e Yamaha, que por sua vez, também são as principais…

Por Isabella Moretti em 06/09/2014

Os modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP pertencem às marcas Honda e Yamaha, que por sua vez, também são as principais fabricantes de motocicletas no Brasil. Conhecer o ranking é muito importante para se prevenir de roubos na cidade de São Paulo.

Os modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP. (Foto: Divulgação)

roubo de motos em SP tem deixado à polícia militar em alerta. De acordo com um levantamento realizado em 2013, aproximadamente 3,8 mil motos foram roubadas só na capital paulista em um período de três meses. Dos veículos furtados, apenas 62 foram recuperados.

Muitos casos não se limitam ao roubo da motocicleta. Os criminosos também matam os proprietários, principalmente quando há resistência em deixar o veículo ser levado.

Veja também: Lista dos carros mais roubados em SP

Os modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP

Nesta semana, uma empresa especializada em rastreamento veicular divulgou o ranking das motos mais roubadas de SP. O levantamento considerou os roubos da capital paulista e da Grande São Paulo.

A pesquisa descobriu também que os casos de motos roubadas e furtadas em SP são mais frequentes nos sábados e domingos, com 17%. As ocorrências também são frequentes nas quartas e quintas-feiras (15%). O levantamento também conseguiu constatar que a maioria dos roubos acontece no começo da noite (23%), entre as 20h e 23h.

Yamaha Fazer 250. (Foto: Divulgação)

A empresa de rastreamento, depois de analisar os dados levantados, também conseguiu descobrir quais são os bairros com mais roubos de motos. Na capital, os locais com maior incidência são: Itaquera, Itaim Paulista, Sapopemba, São Mateus, Guaianazes, São Miguel, Ermelino Matarazzo e Tatuapé, que ficam na Zona Leste. Este tipo de crime também é frequente na Barra Funda (Zona Oeste), Campo Limpo, Pedreira e Vila Mariana (Zona Sul).

A lista de motos mais roubadas em SP é liderada pela Yamaha Fazer 250. O modelo também aparece entre os mais vendidos do Brasil, já que tem um preço acessível e garante boa locomoção dentro da cidade. O segundo lugar ficou com a Honda CG 150, que no início do ano garantiu a segunda posição entre as motocicletas mais vendidas do país.

De modo geral, a Honda domina a relação das 10 motos mais roubadas de São Paulo, com oito modelos. A Yamaha está presente na lista com duas das suas motocicletas, sendo que uma é líder do ranking. Algumas das motos ranqueadas, inclusive, já estão fora de linha.

Honda CG 150. (Foto: Divulgação)

Confira a seguir os modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP:

1º lugar: Yamaha Fazer 250

2º lugar: Honda CG 150

3º lugar: Honda CB 300R

4º lugar: Honda XRE 300

5º lugar: Yamaha Ténéré XTZ 250

6º lugar: Honda CG 125

7º lugar: Honda CBX 250 Twister

8º lugar: Honda NX4 Falcon

9º lugar: Honda CB 600F Hornet

10º lugar: Honda NXR 150

Se você é dono de um dos modelos de motos mais roubadas e furtadas em SP, fique atento para não se tornar uma presa fácil dos criminosos.

Top