Redacao 08/11/2011 Tecnologia

Sabe aquelas lojas de CDs (cada dia menos comuns) em que você vai para conhecer novos artistas ou saber se algum dos seus ídolos lançou algum trabalho novo? Segundo as grandes gravadoras, elas logo serão riscadas do mapa. Isso porque o formato de distribuição de mídias físicas, o CD, deverá ser deixado de lado até o final de 2012.

Isso não significa que a indústria musical irá morrer, mas uma vitória do formato de distribuição digital. Através de serviços como o iTunes e Google Music, as músicas mais populares serão vendidas exclusivamente no formato MP3 por meio de download. Os únicos CDs que ainda serão comercializados serão edições de colecionador e box de coletâneas, mas que também serão comercializados diretamente através de lojas pela internet.

Apesar de ser desanimadora para amantes da música, a medida já era esperada, pois as vendas de CDs têm caído a cada ano. Através da distribuição digital, as gravadoras eliminam os custos de produção dos discos assim com ao sua logística e redistribuição. Embora a falta de um encarte possa desanimar alguns consumidores, o preço das faixas deve melhorar.

As informações foram obtidas pelo site americano de música Side Line. Até o momento, as gravadoras não se pronunciaram quanto à decisão.

Outros artigos

Luan Santana: Agenda de shows 2016

01/09/2015

Luan Santana: Agenda de shows 2016

O famoso cantor Luan Rafael Domingues Santana, mais conhecido como Luan Santana, estourou em todo o Brasil no fim de 2009, quando o estilo sertanejo universitário já...

Páscoa judaica: como é comemorada

04/03/2016

Páscoa judaica: como é comemorada

Saiba tudo sobre a Páscoa judaica: como é comemorada. Nessa matéria, iremos explicar a origem da data para o povo judeu, qual o seu significado dentro do judaísmo e ...