Os 10 planos de saúde mais reclamados

A Fundação Procon SP, vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, órgão que está entre os…

A Fundação Procon SP, vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, órgão que está entre os mais procurados do país pelos consumidores insatisfeitos com diversos tipos de produtos e serviços, divulgou uma nova lista com os planos de saúde que mais receberam reclamações no primeiro semestre de 2013.

A lista foi divulgada pelo Procon SP, com base nos registros recebidos pelo órgão no primeiro semestre desse ano (Foto: Divulgação)

O segmento dos fornecedores da área de saúde figura na sexta posição entre os mais reclamados no Procon SP durante os seis meses iniciais do ano. De acordo com o órgão, foram 6.550 atendimentos registrados, abrangendo pedidos de orientação e queixas contra operadoras e/ou administradoras de benefícios.

É importante ressaltar que a lista com os 10 planos de saúde mais reclamados no Procon SP leva em conta as “CIPs” (Cartas de Informação Preliminares) registradas na Fundação, que não se constituem em processos administrativos e podem, por exemplo, tratar apenas de pedidos de esclarecimentos de mal entendidos.

Ranking dos planos de saúde mais reclamados no Procon SP

As reclamações recebidas pelo órgão envolvem grandes empresas do setor (Foto: Divulgação)

1º – Grupo Amil (Amil, Amico, Dix e Medial): 571 CIPs e Índice de solução de 75%

2º – Qualicorp Administradora de Benefícios Ltda: 176 CIPs e Índice de solução de 69%

3º – Green Line Sistemas de Saúde Ltda: 141 CIPs e Índice de solução de 87%

4º – Unimed Paulistana Sociedade Cooperativa de Trabalho Médico: 126 CIPs e Índice de solução de 75%

5º – Sul América Companhia de Seguro Saúde: 82 CIPs e Índice de solução de 70%

6º – Intermédica Sistema de Saúde S/A: 58 CIPs e Índice de solução de 88%

7º – Somel Sociedade para Medicina Leste Ltda: 51 CIPs e Índice de solução de 71%

8º – Universal Saúde Assistência Médica Ltda: 50 CIPs e Índice de solução de 58%

9º – Bradesco Saúde S/A: 45 CIPs e Índice de solução de 62%

10º – Golden Cross Assistência Internacional de Saúde Ltda: 33 CIPs e Índice de solução de 70%

Os principais motivos de reclamação dos consumidores

Os principais motivos das reclamações dos usuários dos planos de saúde também foram divulgados pelo Procon SP (Foto: Divulgação)

Juntamente com o ranking dos planos de saúde que receberam mais reclamações no 1º semestre de 2013, o Procon SP divulgou os principais motivos que levaram os consumidores a registrarem CIPs no órgão. São eles:

– Problemas com cobertura nos contratos de saúde (não cobertura, negativa, reembolso, etc): 1.029 CIPs e Índice de solução de 56%

– Reajuste por alteração de faixa etária, reajuste anual, sem previsão contratual: 229 CIPs e Índice de solução de 12%

– Rescisão/Substituição/Alteração de contrato de saúde: 196 CIPs e Índice de solução de 11%

– Não cumprimento à oferta – problemas com a rede assistencial: 147 CIPs e Índice de solução de 8%

– Problemas relativos à emissão/remessa de boletos, carteirinha, etc: 36 CIPs e Índice de solução de 2%


Top