ONU corrige números referentes a homicídio em São Paulo e Rio de Janeiro

A Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou que fez uma correção nos números do Estudo Global de Homicídios, divulgado na quinta-feira (6). A correção…

A Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou que fez uma correção nos números do Estudo Global de Homicídios, divulgado na quinta-feira (6). A correção diz respeito aos números que comparavam taxas de homicídio das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. Os dados divulgados pela Organização estavam acima da média real.

Segundo a correção, a média de assassinatos em São Paulo contabilizada em 2009 é de 10 a cada 100 mil habitantes. Já no Rio de Janeiro, é de 35 a cada grupo de 100 mil. As estatísticas divulgadas anteriormente diziam que a capital paulista tinha taxa de 40 a cada 100 mil enquanto a capital fluminense era citada como tendo 100 a cada 100 mil no mesmo período.

A correção aconteceu por contestação do Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro e a errata foi disponibilizada no site da Agência da ONU sobre Drogas e Crime (Unodc). Embora tenha havido correção nos números, a entidade ressalta que a análise referente a queda dos índices de homicídio nos dois locais estão corretas.

Top