Onde investir ao se aposentar?

Para ter uma aposentadoria tranquila, você deve se preocupar com ela desde cedo. Especialistas dizem que quanto mais cedo começamos a poupar, maiores são…

Para ter uma aposentadoria tranquila, você deve se preocupar com ela desde cedo. Especialistas dizem que quanto mais cedo começamos a poupar, maiores são os recursos para a manutenção dos nossos gastos no futuro.

O ideal é estabelecer metas, com prazo e o valor necessário para a realização de cada objetivo. Isso irá ajudá-lo a saber o quanto você precisa guardar para trocar de carro, viajar ou reformar a casa, por exemplo. Inclua também em seus planos uma estimativa dos gastos mensais que você terá em sua aposentadoria. Lembre-se de que, nesse período, despesas com a saúde costumam aumentar. Portanto, você precisa estar preparado para enfrentar os novos gastos e adaptá-los ao seu padrão de vida.

Veja também: Como planejar o futuro do seu filho.

Aposte em investimentos variados

Investimentos variados diminuem o risco de perda e potencializam os ganhos. (Foto: Divulgação).

Quando parar de trabalhar, você também pode estabelecer algumas estratégias para aumentar a sua renda. Entretanto, você não deve assumir riscos elevados em seus investimentos, por isso, tenha bastante cautela na hora de aplicar o seu dinheiro. Uma maneira de potencializar os ganhos é buscar formas diferenciadas de investimentos. A diversificação minimiza as chances de perdas e garante um acúmulo de recurso de modo mais eficiente.

Onde investir ao se aposentar

Aplicações de renda fixa, como a poupança, são indicadas para quem procura um investimento mais conservador. (Foto: Divulgação).

Uma sugestão é separar as reservas de emergência para aplicá-las em investimentos conservadores, que ofereçam liquidez mais elevada, como os fundos DL. Uma parcela menor dos seus ganhos (cerca de 25%) pode ser investida em um fundo de renda fixa com crédito privado, que oferece riscos um pouco mais altos e gera rendimentos acima do CDI.

Leia Também:  Rendimento da poupança será menor, entenda

A aplicação das reservas de longo prazo também pode ser feita de maneira diversificada. Você pode variar seu investimento em fundos multimercados e multiestratégias, que investem em diferentes classes de aditivos, tais como moedas, ações, juros pré ou pós-fixados, índices de preços e derivativos.

Saiba como cuidar do seu dinheiro depois da aposentadoria.

Durante este processo, procure sempre reavaliar o seu planejamento e adaptá-lo a usa realidade financeira. (Foto: Divulgação).

Outra opção são os fundos imobiliários, cujo retorno é dado pelo pagamento de rendimentos e pela variação da cota do fundo, definida no mercado secundário. Entretanto, ao escolher este tipo de investimento fique atento a taxa de administração, gestão e política de investimento, a consistência na entrega de resultados e a outros parâmetros que podem interferir na rentabilidade de sua aplicação.

É importante ao longo de todo este processo reavaliar o seu planejamento a fim de sempre mantê-lo coerente à sua realidade financeira e aos seus objetivos.

Top