O tablet mais barato do mundo pode ser vendido no Brasil

Se você sonha em adquirir um tablet, mas se desanima quando compara o preço dos aparelhos com a sua qualidade, aqui vai uma ótima…

Por Redacao em 16/12/2011

UbiSlate 7 / Divulgação

Se você sonha em adquirir um tablet, mas se desanima quando compara o preço dos aparelhos com a sua qualidade, aqui vai uma ótima notícia. A DataWind, empresa britânica que ficou famosa por fabricar o tablet mais barato do mundo na Índia, declarou que tem planos de produzir o mesmo aparelho no Brasil. Caso o tablet ganhe o mesmo incentivo do governo brasileiro que recebe do indiano, poderá ser vendido por menos de R$ 100.

O aparelho é conhecido mundialmente como “UbiSlate” e como “Aakash” na Índia. O tablet é destinado a estudantes do país e recebe um subsídio de produção do governo. Outro fator que colabora para o seu preço reduzido é que parte do processamento do UbiSlate é feito nas nuvens através de servidores remotos.

A versão do tablet que já é comercializada por lá roda sistema Android 2.2, conta com conexão Wi-Fi, possui bateria de 2.100 mAh e custa 2.500 rúpias indianas (o equivalente a R$ 87). No entanto, uma nova versão do tablet conhecido como UbiSlate 7 chega em janeiro ao país e terá Android 2.3, bateria de 3.200 mAh e custará o equivalente a R$ 105.

A lei de incentivo fiscal para a produção de tablets no país foi o principal atrativo para a DataWind. Além do Brasil, a empresa tem outros mercados emergentes em vista como Sri Lanka, Panamá, Egito, Turkia e Tailândia. Para o ministro das Telecomunicações da Índia, o “Aakash” acaba com a divisão digital no país.

Top