O Grooveshark pode estar com os dias contados

A Sony Music Entrertainment e Warner Music se juntaram com a Universal Music em uma ação judicial movida contra o serviço online Grooveshark. Segundo…

Por Redacao em 29/12/2011

Grooveshark

A Sony Music Entrertainment e Warner Music se juntaram com a Universal Music em uma ação judicial movida contra o serviço online Grooveshark. Segundo o processo, o site que permite que os usuários escutem qualquer música a qualquer hora não possui nenhum tipo de acordo com as gravadoras para reproduzir as músicas.

Como funciona o Grooveshark?

O Grooveshark não funciona como uma rádio convencional, mas como um serviço online no qual usuários do mundo inteiro podem hospedar as músicas do seu computador e ouvi-las a qualquer hora. O problema está que qualquer visitante pode ouvir qualquer uma das músicas do site.

Se por um lado isso não passa de uma versão moderna do compartilhamento de músicas, por outro, existem diversos programas que permitem que os usuários efetivamente baixem as músicas para o seu computador como o GrooveDown, agravando ainda mais o caso.

De uma forma geral, o processo está sendo movido contra os usuários do serviço, que não respeitaram os direitos autorais das músicas que eles adquiriram. No entanto, as gravadoras alegam que os próprios funcionários do serviço também efetuaram o upload de músicas. A única gravadora que possui um acordo com o Grooveshark é a EMI, portanto, a única que poderia ter o seu material no site.

Top