Nokia Lança dois Celulares de Baixo Custo com Boas Funcionalidades

Consolidada (há muitos anos) entre as principais e maiores empresas de telefonia móvel do mundo, a Nokia sempre oferece aos seus clientes produtos de…

Consolidada (há muitos anos) entre as principais e maiores empresas de telefonia móvel do mundo, a Nokia sempre oferece aos seus clientes produtos de qualidade e eficiência que auxiliam no dia-a-dia. Por isso, aparelhos modernos e com enormes capacidades têm cada vez mais conquistado as pessoas que apreciam um equipamento.

Agora, a empresa finlandesa sai na frente e lança dois aparelhos que certamente serão preferidos por muitas pessoas. Estamos mencionando o lançamento de aparelhos de celular Nokia de baixo custo e com boas funcionalidades, sem falar que eles contam com dois chips simultâneos, é isto mesmo!

De olho no mercado africano que começa a entrar (aos poucos) na era digital, a Nokia lançou os aparelhos 100 e 101 para competir diretamente com os da ZTE e GA’Five. Tanto a Nokia quanto outros fabricantes precisaram inovar para continuar atuando, de forma satisfatória, em um mercado em que é crescente o número de produtos chineses. Eles sempre atraem a maior “fatia do bolo” haja vista seus celulares com preços baixos, além de boas funcionalidades.

Com este lançamento, a empresa pretende conquistar o maior espaço entre os aparelhos de menores custos, mas que são muito utilizados no dia a dia devido sua praticidade. O modelo 101 terá seu preço inicial estabelecido em 35 dólares. No Brasil, convertido em real custaria menos que R$ 100. Uma de suas principais características é permitir a utilização de dois chips simultaneamente, o que já é um grande feito haja vista seu valor e praticidade. Ele é o tipo de aparelho ideal para quem precisa usar vários chips no trabalho, na escola ou quem sabe em casa.

Esse é o primeiro modelo da Nokia com a utilização de dois chips. Em países da África, já é bastante comum o uso deste tipo de celular. Certamente, ele apresenta uma boa receptividade dos usuários por conta da famosa marca. Na Índia, por exemplo, a maior parte da população já faz o uso de celular com dois chips. O modelo 100 deverá chegar ao continente após o lançamento do primeiro, no entanto, suas funções são praticamente as mesmas que o modelo 101 sendo que o estilo é mais voltado para um smartphone ou celular mais “turbinado”.

Continuar Lendo  Câmera Digital Olympus a Prova D'Agua

Para os executivos da empresa, o mercado africano é bastante estratégico visto que existe uma quantidade enorme de jovens ávidos por novidades tecnológicas a cada dia. Isto fará com que estes projetos também se estendam a outros países em desenvolvimento como o próprio Brasil, por exemplo.

Por aqui, os aparelhos que utilizam dois chips são os chineses. As empresas conceituadas do ramo ainda dispõem de poucos modelos com esta função. Mas este quadro vem mudando aos poucos, de forma lenta, no entanto, já tem começado a facilitar a vida de muita gente que precisa de celulares simples e eficientes para suas tarefas cotidianas.

Diante disso, certamente o investimento em celulares baratos da Nokia e com dois chips irá representar uma ótima oferta nos países africanos, o que aumentará também a demanda de outras empresas para fabricarem mais aparelhos de baixo custo com grandes funcionalidades (inclusive) quanto aos fabricantes chineses. Isso é bom para nós (consumidores), pois só temos a ganhar em termos financeiros e de benefícios.

Top