Natação para bebês – Saiba os seus benefícios

Quem disse que exercícios físicos são apropriados apenas para os adultos? A prática da natação é benéfica para qualquer idade, essa é uma prática esportiva que mais beneficia as crianças nos seus primeiros meses de vida. Muitas mamães ficam com medo de ver seus bebes tão indefesos dentro da água, mas esse é um tio de atividade física que traz inúmeros benefícios aos pequeninos.

A natação ara bebes é muito benéfica (Foto: Divulgação)

A natação ara bebes é muito benéfica (Foto: Divulgação)

Natação proporciona prazer aos bebes

O meio aquático é muito prazeroso, a atividade ajuda os bebês no seu desenvolvimento psicomotor, propiciando uma simetria de movimentos entre braços e pernas. A natação também estimula o sistema cardiovascular, o que melhora o sono e evita doenças preponderantes do sistema respiratório. O ambiente da natação é acolhedor tanto para os pais quanto para os bebês. O aconselhado é que essas aulas tenham duração de 30 minutos duas vezes por semana, tempo suficiente para os bebês adquirirem resistência muscular, sem apresentar tensões nos membros ainda frágeis e em desenvolvimento.

A natação ajuda na respiração(Foto: Divulgação)

A natação ajuda na respiração(Foto: Divulgação)

Participação dos pais é importante

A participação dos pais durante as aulas de natação com os bebes estimula a afetividade e aumenta a construção da inteligência e da percepção da criança. Além de auxiliar no desenvolvimento físico e mental, melhora o condicionamento por meio do desenvolvimento dos sentidos e da sensibilidade dos bebês. Vale lembrar que os bebes não tem autonomia nem desenvolvimento para nadarem sozinhas, ou por si só, nessa etapa é preciso o acompanhamento de um adulto, que seja o pai ou a mãe para que o vínculo afetivo se torne maior.

Matronatação é a natação com os pais (Foto: Divulgação)

Matronatação é a natação com os pais (Foto: Divulgação)

Quando os bebes devem começar a natação

É importante que os bebes comecem as aulas de natação desde o primeiro dia de vida, uma vez que após os 9 meses eles acabam perdendo uma série de reflexos que nasceram com eles e que são muito importantes para a natação.  As crianças que tem contato com a água antes mesmo dos 9 meses mostram maior facilidade com a adaptação das atividades aquáticas do que as crianças que começam após o 1 ano de vida.

Os bebes não se afogam (Foto: Divulgação)

Os bebes não se afogam (Foto: Divulgação)

Capacidade dos bebes na água

Os bebes antes dos 4 meses possuem grandes capacitações que favorecem os exercícios dentro d’água, como:

– conseguem flutuar,

– mexe o corpo de maneira bem suave com movimentos relaxantes;

– mantém a apneia (ato de fechar a glote para não entrar água) que é fundamental para mergulhar;

– os bebes não tem medo de se afogar;

Quando mais tarde as crianças tem o contato com a água, mais cresce o medo de se afogar, de engolir água. As crianças só adquirem o medo com o passar do tempo, se a adaptação com a água for bem cedo esse medo vai manter-se afastado.

A apneia nos bebes antes dos 9 meses deve ser estimulada na natação (Foto: Divulgação)

A apneia nos bebes antes dos 9 meses deve ser estimulada na natação (Foto: Divulgação)

Matronatação o que é?

A matronatação é a natação feita com o auxílio dos pais. Essa é a forma mais indicada para que os bebes tenham aulas de natação, pois eles mantem-se seguros com os pais ao lado, também criam vínculos que vão levar para toda a vida. O ideal é que os pais levem o bebe para fazer aulas de natação aos 4 meses de idade, uma vez que é nesse período que o sistema imunológico está formado, pois os riscos de otites, resfriados e infecções respiratórias são bem menores.

Os bebes não tem medo da água(Foto: Divulgação)

Os bebes não tem medo da água(Foto: Divulgação)

Durabilidade da aula de matronatação

A durabilidade da aula de matronatação pode variar de acordo com cada escola, mas o ideal é que as aulas durem pelo tempo de 30 a 45 minutos de acordo com os reflexos e resistência do bebe. Com as aulas os bebes perdem o medo da praia e das piscinas, pois eles já estarão acostumados com as atividades na água. As aulas ensinam os bebes a:

– comportarem-se na água;

– trabalham a sobrevivência;

– e melhoram a autonomia.

Como deve ser a piscina para as aulas

O ideal é colocar os bebes na aula de natação com 4 meses(Foto: Divulgação)

O ideal é colocar os bebes na aula de natação com 4 meses(Foto: Divulgação)

A piscina para as aulas de matronatação devem seguir alguns padrões essenciais, como:

– a temperatura da água deve ser de aproximadamente 32ºC

– o cloro deve ser de entre 0,5 e 0,6%

– a piscina deve ser bem higienizada, climatizada e coberta de acordo com as exigências para a atividade com bebes;

– a piscina deverá ter um local apropriado climatizado para a troca de roupas do bebe para evitar que o mesmo se resfrie;

– a piscina dos pequenos não pode ser compartilhada, deve ser especial para os bebes para evitar contaminações. O tamanho da piscina pode variar entre 4 e 6 metros.

É muito importante escolher o local adequado para as aulas de natação para bebes(Foto: Divulgação)

É muito importante escolher o local adequado para as aulas de natação para bebes(Foto: Divulgação)

A escolha do local é fundamental

Mas antes de colocar o seu filho na natação pesquise lugares apropriados, com professores especializados em trabalho pediátrico. Procure saber também se o local tem piscina aquecida e salinizada, com tratamento especial que elimina os efeitos prejudiciais do cloro. Fazendo isso seu filho estará seguro para ter aulas de natação e contar com todos os benefícios que as aulas proporcionam.

3 Comments - Add Comment

Reply