Músicos brasileiros que fracassaram na carreira internacional

Com o objetivo de desenvolver a carreira e adquirir novas experiências, muitos músicos brasileiros acabam optando pela carreira internacional. Alguns são bem sucedidos com…

Com o objetivo de desenvolver a carreira e adquirir novas experiências, muitos músicos brasileiros acabam optando pela carreira internacional. Alguns são bem sucedidos com a empreitada e conseguem fazer até mais sucesso no exterior do que no Brasil, mas outros não conseguem cativar o público e acabam fracassando.

Nem sempre o sucesso nacional se repete no exterior. (Foto:Divulgação)

Músicos brasileiros no exterior

A banda ‘Cansei de Ser Sexy’ é um exemplo de carreira internacional de sucesso. O grupo não obteve espaço na cena nacional, mas conquistou outros países com um repertório original, que mescla rock, pop e música eletrônica.

Grandes nomes da música brasileira também possuem fãs no exterior, como é o caso de Roberto Carlos, Tom Jobim, Seu Jorge e Alexandre Pires. Estes artistas mostraram um bom trabalho para os gringos e adquiriram novas experiências com os shows realizados em outros países.

Nos últimos tempos, os cantores sertanejos decidiram realizar turnês internacionais para conquistar fãs no exterior. O cantor Michel Teló ganhou o mundo com o hit “Ai se Eu te Pego”. Em seguida foi à vez de Gusttavo Lima realizar vários shows nos Estados Unidos e até mesmo gravar um DVD em território norte-americano.

Algumas duplas sertanejas também desbravaram a Europa, como é o caso João Neto e Frederico e Jorge & Mateus.

Para criar ainda mais identificação com os fãs gringos, alguns músicos brasileiros gravam os seus sucessos em novas versões, normalmente em inglês ou espanhol. No entanto, nem sempre esta aposta costuma repercutir em vendas de discos e casas de shows lotadas.

Veja também: Gusttavo Lima vai começar carreira internacional

Músicos que fracassaram na carreira internacional

Sandy e Júnior. (Foto:Divulgação)

Sandy e Júnior
Em 2001, a dupla investiu em um CD formado apenas com faixas regravadas em inglês para conquistar o mercado internacional. No entanto, o álbum obteve baixíssimas vendagens no exterior por causa da crise gerada pelo ‘11 de setembro’ e também pelo fato da maior parte dos fãs em outros países serem brasileiros.

Ivete Sangalo. (Foto:Divulgação)

Ivete Sangalo
A cantora baiana levou o axé brasileiro para o exterior. Primeiro se apresentou nas edições lusitanas do Rock in Rio e, mais tarde, ampliou os seus horizontes ao se apresentar na cidade de Nova York. Ivete atraiu um grande público, mas não fez sucesso entre os estrangeiros, já que a maioria dos fãs é formada por brasileiros que moram no exterior.

Claudia Leitte. (Foto:Divulgação)

Claudia Leitte
A situação de Ivete Sangalo se repetiu com Claudia Leitte. A cantora se apresentou nos Estados Unidos, mas não conseguiu chegar tão longe com a sua carreira internacional.

Luan Santana. (Foto:Divulgação)

Luan Santana
A turnê realizada por Luan Santana nos Estados Unidos recentemente foi um verdadeiro fracasso. O cantor se apresentou para um público de 300 pessoas por noite e não lotou as casas de show, que em alguns casos tinham capacidade para comportar até 2 mil pessoas.

Continuar Lendo  Elvis Presley in Concert confirmado no Brasil em 2012

Saiba mais: Músicos brasileiros que investiram na carreira internacional: fotos

Top