Modalidades menos populares: conheça cinco esportes que serão disputados no Pan

Saiba como são as competições de Badminton, Pelota Basca, Raquetebol, Softbol e Esqui Aquático

Os Jogos Pan-Americanos são um charme só por conta da diversidade de esportes em disputa. Desde sua primeira edição, realizada em 1951, em Buenos Aires, na Argentina, até os dias de hoje, milhares de atletas de países do continente americano aproveitam a realização dos jogos para desfilarem sua técnica e exibirem movimentos precisos em modalidades das mais variadas.

Na edição deste ano, em Guadalajara, o público poderá vibrar com 41 esportes diferentes, que vão desde o tradicional futebol até a menos conhecida Pelota Basca. O curioso é que boa parte dessas modalidades ainda não são do conhecimento de grande parte do público.

Para te ajudar na hora de torcer e acompanhar a realização dos jogos, preparamos um miniguia sobre as disputas de cinco modalidades não tão populares, mas que fazem parte dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara.

Badminton –Originário da Índia com o nome de Poona, o Badminton foi rebatizado na década de 1870. O esporte lembra um pouco o jogo de tênis, já que é disputado em uma quadra dividida por uma rede. As diferenças estão nos equipamentos utilizados para a prática. A raquete tem uma forma cônica e a “bola” usada é uma peteca, que pesa entre 4.74 e 5.50 gramas. As partidas podem ser realizadas em duplas ou individuais.

Badminton tem raquete especial é a "bola" é uma peteca

Esqui Aquático –Para praticar a modalidade são necessárias pelo menos duas pessoas, uma responsável em conduzir a lancha e a outra que é puxada por uma corda com tamanho-padrão de 18,25 metros. O desafio é a pessoa que está sendo puxada mantter o corpo em equilíbrio na água a uma velocidade de 80 quilômetros. As competições de esqui aquático são baseadas em três estilos: Slalom, em que o esquiador contorna boias; Salto, em que o vencedor é aquele que atingir a maior distância e Acrobacias, modalidade em que os praticantes realizam manobras por meio de saltos sobre rampas.

Competições de esqui contam com três categorias diferentes

Pelota Basca –O esporte começou a ser disputado no norte da Espanha ainda no século XII. A Pelota Basca consiste em partidas de pelo menos dois jogadores, que ficam rebatendo a bola contra um paredão utilizando um taco, a mão, uma raquete ou uma cesta. Vence o ponto quem conseguir fazer com que a bola toque no chão por duas vezes antes de o adversário acertá-la. Nos paredões de 30, 36 e 54 metros são disputadas uma série de modalidades, de acordo com a maneira definida para rebater a bola: pelota mano (com a mão), pelota paleta (com taco), cesta punta (com cesta) e frontenis (com raquete).

Pelota basca pode ser disputada com uma cesta

Raquetebol –Presente aos Jogos Pan-Americanos, a modalidade é similar ao squash. As partidas são realizadas em uma quadra fechada por quatro paredes e um teto com superfície plana. Os praticantes utilizam como equipamentos uma raquete de cabeça larga com empunhadura pequena e uma bola média de borracha. O objetivo é bater a bola contra a parede frontal sem deixar que ela toque duas vezes seguidas no chão. É permitido ainda utilizar as paredes laterais e o teto como pontos de impacto da bola de borracha.

Raquetebol é um dos esportes presentes ao Pan de Guadalajara

Softbol –Popular nos EUA, apesar de ser bastante parecido com o Beisebol, o Softbol reúne algumas particularidades. No Softbol, a bola tem dimensões maiores, o campo é menor e o tempo de duração também é menor, conta com sete entradas contra nove do Beisebol. Outra diferença está relacionada ao lançamento da bola, que tem de ser feito por baixo, na altura do quadril. O conjunto de regras do esporte também tem variações. A exemplo do Beisebol, vence quem marcar o maior número de pontos. Em geral, o esporte é mais praticado pelas mulheres.

Popular nos EUA, Softbol é mais tradicional entre as mulheres

Top