Mitos e verdades sobre uso do salto alto

A maioria das mulheres concorda que o salto deixa o visual muito mais belo, ressaltando as pernas e conferindo uma sofisticação toda especial ao…

A maioria das mulheres concorda que o salto deixa o visual muito mais belo, ressaltando as pernas e conferindo uma sofisticação toda especial ao look. O problema é que o uso frequente desse tipo de calçado pode acarretar alguns problemas de saúde. Existem várias informações equivocadas sobre o tema, que confundem e podem até mesmo prejudicar o bem-estar de algumas pessoas. Fique por dentro do assunto e conheça os principais mitos e verdades sobre o uso do salto alto.

O salto alto é elegante e deixa a mulher com um visual mais poderoso. (Foto: divulgação)

Mitos e verdades sobre o salto alto

O uso excessivo do salto alto pode prejudicar a coluna

Verdade. De acordo com os especialistas no assunto, o uso exagerado do salto alto é capaz de desencadear problemas de saúde até mesmo em curto prazo. Entre as intercorrências mais comuns é possível destacar lesões e deformidades nos pés e tornozelos, joanete, tendinite e até mesmo problemas de coluna.

O uso esporádico do salto alto também pode prejudicar a saúde

Mito. Usar salto alto apenas em ocasiões especiais é a melhor maneira de ficar com o visual elegante e ainda evitar problemas de saúde. Nas situações em que isso não é possível devido ao trabalho que exige o uso de salto, uma ótima maneira de amenizar o problema e prevenir complicações é deixar para usar o sapato mais alto apenas durante o expediente de trabalho, optando por um modelo baixo e confortável no caminho de ida e volta do serviço e intervalos.

É importante evitar usar o salto alto ao longo de todo dia. (Foto: divulgação)

Existe um tipo de salto que é mais prejudicial

Verdade. O pior tipo de salto alto é o agulha, especialmente nos modelos de calçados que possuem o bico fino. Se o uso do salto for inevitável, recomenda-se optar pelos modelos de base mais estruturada e larga, com no máximo 7 cm de altura.

Todos os saltos são prejudiciais

Mito. Ao contrário do que muitas pessoas podem imaginar, nem sempre os saltos são vilões e, em algumas circunstâncias, podem até mesmo ajudar na prevenção de problemas de saúde, como distúrbios posturais e varizes. Médicos recomendam a utilização de saltos pequenos ao longo do dia, de até 4 cm de altura.

Os saltos altos são queridos de muitas mulheres e a maioria concorda que esse tipo de calçado realça as pernas e deixa o visual mais elegante. Infelizmente o uso constante desse tipo de salto é capaz de resultar em vários problemas de saúde, e por isso deve ser feito com cautela, deixando os sapatos mais altos para ocasiões especiais.

Os salto agulha são os mais prejudiciais à saúde. (Foto: divulgação)

Felizmente é possível seguir algumas dicas para diminuir o risco de problemas e garantir o visual sofisticado, como fazer uso de saltos mais baixos ou alternar de calçados durante o dia. Quem não abre mão de ganhar alguns centímetros em altura ainda pode optar por saltos como a plataforma ou a anabela.


Top