Mitos e verdades sobre remoção de tatuagem

Conheça mitos e verdades sobre remoção de tatuagem. Se você tem uma tattoo que deixou de fazer sentido na sua vida, então saiba que…

Conheça mitos e verdades sobre remoção de tatuagem. Se você tem uma tattoo que deixou de fazer sentido na sua vida, então saiba que não precisa conviver com ela para sempre. É possível removê-la através de métodos modernos e acessíveis, mais que ainda geram dúvidas e controversas.

Mitos e verdades sobre remoção de tatuagem. (Foto Ilustrativa)

Mitos e verdades sobre remoção de tatuagem. (Foto Ilustrativa)

Tatuar o corpo deixou de ser um tabu e se transformou em uma modificação corporal bastante popular entre as pessoas. O problema é quando surge o arrependimento. A tarefa de se livrar do desenho é bastante trabalhosa, pesa no bolso e nem sempre o resultado atende as expectativas.

Muitas pessoas acabam se arrependendo da tattoo que fazem no momento de empolgação. A escolha por remover a arte corporal é tomada principalmente por quem escreveu o nome do namorado (a) no corpo ou fez um desenho esquisito. Um erro gramatical ou um trabalho mal feito do tatuador também podem levar às sessões de remoção.

Leia mais: Remoção de Tatuagem, Quanto Custa, Procedimento

A tecnologia mais utilizada para remover tatuagens é o laser. A luz emitida pelo aparelho se encarrega de quebrar a tinta em micropartículas, que, depois, são eliminadas naturalmente pelo próprio corpo. Essa técnica já ajudou muitas pessoas, é aprovada por dermatologistas e oferece menor risco de cicatrizes.

Mitos e verdades sobre remoção de tatuagem

Confira a seguir alguns mitos e verdades sobre remoção de tatuagem:

Não é possível remover completamente

Mito. Já existem algumas técnicas avançadas que conseguem realizar a remoção completa da tatuagem. O resultado é gradual e depende do número de sessões. Em resumo, o desenho perde aos poucos a cor e os traços ficam mais finos. Outros fatores também influenciam na remoção, como a qualidade da tinta e a idade da tattoo.

A remoção dói muito

O procedimento de remoção é bem dolorido. (Foto Ilustrativa)

O procedimento de remoção é bem dolorido. (Foto Ilustrativa)

Verdade. A aplicação do laser costuma causar mais dor do que a própria agulha usada para fazer a tatuagem. O aparelho atinge a tinta intensamente e nem mesmo a pomada anestésica consegue aliviar totalmente. Nas primeiras semanas, a pessoa precisa fazer curativo na área tratada para não sofrer com bolhas.

Saiba mais: Clínicas para remoção de tatuagem em SP

Tatuagem nova é mais fácil de remover

Mito. O fato da tinta não ter penetrado nas camadas mais profundas da pele é uma vantagem na remoção, mas não significa que o processo será mais fácil. Outros fatores influenciam no nível de dificuldade, como as cores utilizadas e o tamanho do desenho.

Algumas cores são mais difíceis de remover

Verdade. As cores mais claras, como é o caso do branco, do verde, do amarelo e do azul, são mais difíceis de remover completamente da pele. Isso porque elas não possuem uma reação tão positiva ao laser. Vale destacar que, quanto mais escuro for o pigmento, mais ele reage ao aparelho.

A região do corpo influencia na remoção

A pele muito bronzeada também dificulta a ação do laser. (Foto Ilustrativa)

A pele muito bronzeada também dificulta a ação do laser. (Foto Ilustrativa)

Verdade. A tarefa de remover a tatuagem se torna mais trabalhosa nas regiões do corpo que ficam expostas ao sol, como é o caso do braço, dos pés e das mãos. A pele muito bronzeada também dificulta a ação do laser.

Veja também: Técnicas de remoção de tatuagem – quais são

Agora você já conhece os mitos e verdades sobre remoção de tatuagem. Consulte um profissional especializado nesse tipo de tratamento para esclarecer as principais dúvidas. Continue no Mundo das Tribos e veja outras matérias sobre bem-estar.

 

Top