Mitos e verdades sobre depilação a laser

A depilação a laser é uma ótima ferramenta pra quem deseja se livrar dos pelinhos corporais de uma vez por todas. Entretanto, esse procedimento é cercado de informações equivocadas, que acabam confundindo algumas pessoas e muitas vezes até provocando medo, fazendo com que muitas mulheres deixem de experimentar essa maneira super rápida de ficar com o corpo liso. Acabe com as dúvidas e confira alguns mitos e verdades sobre depilação a laser.

A depilação a laser é uma maneira eficiente de ficar com a pele lisa permanentemente. (Foto: divulgação)

Mitos e verdades sobre a depilação a laser

  • A depilação a laser é dolorida

Verdade. Infelizmente a depilação a laser (independente do tipo de laser) não é uma técnica indolor, mas é possível optar por alguns métodos, como o GentleLASE (laser de Alexandrite) que conta com um resfriamento da pele durante o processo, fazendo com que a dor seja menos, especialmente se comparado com outras técnicas, como a depilação com cera.

  • Utilizar talco após a depilação faz bem para a pele

Mito. Além de não ter nenhum benefício para a pele depilada, o talco ainda é capaz de obstruir os poros e não deixar a pele respirar, podendo causar algumas complicações.

  • O pelo depilado com laser não volta a crescer

Verdade. O laser é capaz de atingir as camadas mais profundas da pele e age literalmente queimando o folículo piloso. Por isso, o pelo que é removido nunca mais irá crescer. O que muitas vezes acontece é que pode haver o nascimento de outros pelos, devido ação hormonal, mas que é absolutamente normal.

  • Não é permitido depilar regiões íntimas com laser

Mito. Não existe nenhuma contraindicação em utilizar o laser para acabar com os pelinhos de regiões mais íntimas. Desde que não seja perto dos olhos, o laser pode ser utilizado em qualquer outra parte do corpo.

Com exceção da região dos olhos, o laser pode ser aplicado em qualquer parte do corpo. (Foto: divulgação)

  • A depilação durante o inverno é mais dolorosa

Verdade. Por mais estranho que possa parecer, a depilação durante ao inverno realmente dói mais do que nos dias quentes. Isso acontece porque a pele se torna muito mais sensível em climas frios.

  • A depilação a laser é incapaz de causar manchas

Mito. Por ser de alta intensidade, o laser pode sim acabar causando algumas manchas na pele. Entretanto não é preciso se desesperar, pois as marquinhas são temporárias e o problema pode ser facilmente resolvido.

  • Não se deve aplicar laser em áreas com tatuagem

Verdade. O laser é capaz de acabar com o folículo piloso porque é atraído pela diferente coloração do pelo. Quando o laser é aplicado sobre uma tatuagem, o laser também é atraído pelo pigmento, queimando tudo que estiver em torno dele, inclusive a pele.

  • Ficar um tempo sem utilizar cera ou pinça é o ideal antes de se depilar com laser

Verdade. É recomendado ficar uns 20 dias sem se depilar com pinça ou cera, antes de se submeter ao tratamento com laser, pois é necessário que os pelos estejam aparentes para que sejam queimados pelo laser.

É recomendado ficar 20 dias sem remover os pelos antes do tratamento com laser. (Foto: divulgação)

A depilação a laser é um tratamento rápido e capaz de acabar com os pelos de maneira muito eficiente. Infelizmente, devido aos vários mitos e verdades em torno do assunto, algumas mulheres acabam ficando com medo de experimentar essa moderna técnica.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Reply