Mitos e verdades sobre Alzheimer

De repente a pessoa esquece as chaves do carro, o nome de alguém conhecido, a conversa que teve pela manhã e outras coisas. Com…

De repente a pessoa esquece as chaves do carro, o nome de alguém conhecido, a conversa que teve pela manhã e outras coisas. Com o passar do tempo, esses esquecimentos vão se tornando cada vez mais frequentes e outras funções são comprometidas. Esses são alguns dos sinais de Alzheimer, uma doença que está se tornando cada dia mais comum. Saiba mais sobre o assunto e veja alguns mitos e verdades sobre Alzheimer.

O esquecimento é um dos primeiros sintomas do Alzheimer. (Foto: divulgação)

Doença de Alzheimer

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a doença de Alzheimer afeta entre 24 e 37 milhões de pessoas. Esse número tem crescido a cada ano e de acordo com estimativas, pode alcançar 115 milhões de pessoas até 2050. No Brasil não se sabe ao certo quantas pessoas são portadoras dessa doença, mas estima-se que seja em torno de um milhão.

O Alzheimer é o tipo mais comum de demência, que gera perda ou redução progressiva das capacidades cognitivas. Tudo isso envolve atenção, percepção, raciocínio, memória, linguagem e outros. Essa perda ou diminuição pode ser parcial ou completa, permanente ou momentânea. De todas as formas, ela pode comprometer essas capacidades cognitivas levando a perda da autonomia em alguns casos.

O idoso com Alzheimer deve ser tratado com atenção especial. (Foto: divulgação)

Mitos e verdades sobre o Alzheimer

1. O primeiro sintoma de Alzheimer é a perda da memória.

Mito. Não é somente a perda de memória que indica o Alzheimer. A doença atinge primeiramente a parte do cérebro que controla a linguagem, a memória e o raciocínio, outros sintomas podem indicar a chegada desse problema. Esquecimentos persistentes de coisas recentes, recados, compromissos e outros são os sinais da doença de Alzheimer.

Continuar Lendo  Promoções de Cruzeiros marítimos 2012-2013

2. As pessoas com Alzheimer se esquecem de fatos que acabaram de acontecer, mas se lembra de fatos antigos.

Verdade. Os primeiros sinais de Alzheimer sofridas pelos pacientes é a memória recente, ou seja, a pessoa possui dificuldade de lembrar-se de eventos que acabaram de acontecer, mas consegue se lembrar de coisas que aconteceram na infância. A doença afeta o hipocampo, por isso as pessoas tem dificuldades de lembrar-se das coisas recentes.

3. Quem possui Alzheimer não consegue compreender o que se passa ao seu redor.

Mito. A pessoa com a doença, apesar das dificuldades de memória e dos outros sintomas, se mantém consciente do que ocorre ao seu redor. Apenas nos casos mais avançados que isso pode ser mudado. É importante deixar claro que apesar do idoso precisar de cuidados, ele não passa a ser uma criança.

4. As doenças cardiovasculares elevam o risco do desenvolvimento da doença.

Verdade. As doenças cardiovasculares podem aumentar o risco de várias demências, inclusive o Alzheimer. Dessa forma, é importante fazer o diagnóstico e seguir as orientações do profissional de saúde, para tratar as doenças de risco e orientar sobre a mudança de estilo de vida.

5. Esquecer as coisas significa estar com Alzheimer.

Mito. Os problemas de memória podem estar relacionados com vários fatores, como outras demências, ou até mesmo depressão e estresse. Além disso, a doença de Alzheimer pode atingir as memórias recentes, enquanto a memoria de fatos acontecidos são preservados.

O Alzheimer é um tipo de demência. (Foto: divulgação)

O Alzheimer é uma doença que causa perda progressiva da memória, tornando o indivíduo incapaz de realizar suas atividades cotidianas. A doença deve ser tratada com atenção especial, afinal o idoso irá necessitar de mais cuidados.

Continuar Lendo  Linhaça na Gestação - Quais seus Benefícios

Top