Ministério notifica sites por relacionar o Brasil a turismo sexual

O Ministério do Turismo descobriu  cerca de 1.770 sites na web que relacionavam logotipos e marcas de programas turísticos do Brasil à pornografia e…

Por Editorial MDT em 28/03/2012

O Ministério do Turismo descobriu  cerca de 1.770 sites na web que relacionavam logotipos e marcas de programas turísticos do Brasil à pornografia e prostituição.  A procura de sites na internet que empregam de forma inapropriada as marcas e os emblemas do país assim com a emissão de avisos para exigir a correção, faz parte de uma campanha contra o agenciamento do Brasil como destino do turismo sexual.

Os técnicos responsáveis pela tarefa descobriram no último ano cerca de 38.862 sites, tanto brasileiros como estrangeiros, que usam marcas do ministério ou emblemas de programas turísticos do Brasil.

Desse total, 2.169 empregavam marcas de um modo considerado inapropriado, dos quais 1.770 (82%) relacionavam o Brasil à pornografia e prostituição.  Dos comunicados, 1.100 acataram a solicitação do Ministério e retiraram ou corrigiram as informações.

No total, 2.169 empregavam marcas de um modo considerado inapropriado, dos quais 1.770 (82%) relacionavam o Brasil à pornografia e prostituição.

De acordo com os técnicos do órgão, a investigação permitiu localizar até uma página que mostrava um grupo de mulheres com pouca roupa em uma representação que tinha como fundo a bandeira do País. O Ministério do Turismo divulgou ainda que solicitou à Polícia Federal que averigue os responsáveis por algumas páginas que supostamente vinculam o turismo no Brasil com o abuso sexual de menores.

Top