Melhores e Piores Filmes – 2010/2011

Escrever sobre cinema é sempre problemático, pois envolvem questões pessoais, como gosto por um ou outro gênero, preferência por atores, etc. Mesmo assim, existem…

Escrever sobre cinema é sempre problemático, pois envolvem questões pessoais, como gosto por um ou outro gênero, preferência por atores, etc. Mesmo assim, existem filmes que, independente de estilo, merecem ser vistos. Como existem outros que convém serem esquecidos nas prateleiras das locadoras.

Aqui vai uma seleção dos melhores e piores filmes de 2010 e 2011, para quem sabe lhe dar uma mãozinha na escolha para seu Dia dos Namorados, com base em pesquisas realizadas pelo site Grandes Filmes e alguns adicionais.

2010/2011: Melhores filmes

A Origem (Inception): Nesta ficção científica, Leonardo di Caprio (Cobb) é um ladrão de segredos que age invadindo a mente humana.  Um fugitivo que não pode mais ver os filhos, acusado de ter matado sua esposa, aceita a missão de um poderoso empresário japonês de invadir a mente do herdeiro de um império econômico.

Efeitos especiais surpreendentes e trama bem amarrada, merece ser visto e revisto.

Direção de Christopher Nolan, com  Leonardo DiCaprio, Marion Cotillard, Joseph Gordon-Levitt, Ellen Page. Duração de 148 minutos.

Toy Storie 3 (Toy Storie 3): Nesta aventura da Pixar, Andy, o dono dos bonecos mais malucos do cinema, vai para a faculdade, enquanto seus pais doam seus brinquedos a uma creche.  Até o Ken, marido da Barbie, aparece nessa história extremamente divertida. No elenco de dubladores, atores de alto escalão, como Tom Hanks, Tim Allen, Michael Keaton, Joan Cusack. A direção ficou por conta de Lee Unkrich. Duração de 103 minutos.

Kick-Ass – Quebrando Tudo (Kick-Ass): Uma adaptação dos quadrinhos que você não deve levar para casa se seus filhos ainda estão na fase Toy Storie. Também não se engane com a classificação de “comédia”. Violento, não é para qualquer estômago ou gosto. Com Chloe Grace Moretz, Nicolas Cage (que faz tempo não acerta uma), Christopher Mintz-Plasse, Aaron Johnson, Lyndsy Fonseca, Clark Duke, Omari Hardwick, Evan Peters, Peter Brooke e direção de Matthew Vaughn. Duração  117 minutos.

Incontrolável (Unstoppable): O diretor Tony Scott acertou a mão mais uma vez. O filme é tensão de ponta a ponta e o elenco de primeira não desaponta. Não deixe de assistir a história baseada em fatos reais sobre o trem descontrolado que carrega materiais perigosos e… bom, assista. Com Denzel Washington, Chris Pine, Rosario Dawson, Jeff Wincott e direção de Tony Scott. 98 minutos impossíveis de pausar.

Cisne Negro (Black Swan): A esquizofrenia mostrada sem muitos retoques é o mote deste suspense. Nathalie Portmann levou o Oscar por sua atuação como a bailarina com distúrbios psicológicos. Dirigido por Darren Aronofsky e elenco formado por Natalie Portman, Vincent Cassel, Mila Kunis. Duração 108 minutos.

Na sequência de preferência, seguem Tropa de Elite 2 (ótimo, recomendo), Ilha do Medo (outro com Leonardo di Caprio, que merecia alguns Oscar´s na prateleira) e a Rede Social (desnecessário, mas vá lá…), Harry Potter e As Relíquias da Morte – parte 1 (muito bom), entre outros.

Piores Filmes:  2010/2011

Não compensa estender demais, então vão os nomes para você anotar em vermelho em um papelzinho e carregar na carteira:

Fúria de Titãs (refilmagem com erros de continuidade e efeitos especiais medonhos).

A Caixa (idas e vindas que não levam a lugar algum).

Piranha 3D (alguém ainda tenta, mesmo depois de Serpentes a Bordo).

Tiras em Apuros ( O que fez Bruce Wills em um filme desses é um mistério).

Os Vampiros Que Se Mordam (filme ruim que parodia outro filme ruim, no caso Lua Nova, ou algum desses da série Crepúsculo…).

Voo Explosivo (vamos falar a verdade, existem filmes que não deveriam ser feitos).

Top